Menu
quinta, 15 de abril de 2021
Polícia

DIG descarta participação de "Chuck" e outros dois na tentativa de homicídio contra PM

21 Nov 2018 - 14h40Por Redação São Carlos Agora
DIG descarta participação de "Chuck" e outros dois na tentativa de homicídio contra PM - Crédito: Arquivo/SCA Crédito: Arquivo/SCA

A Delegacia de Investigações Gerais (DIG) descartou a participação de Moisés Ferreira da Silva, de 37 anos, conhecido como Chuck, na tentativa de homicídio contra o policial militar Elias Alexandre dos Santos, de 59 anos. O crime aconteceu no último dia 12, no interior de um posto de combustíveis, no Jardim Ipanema.

Além de Moisés, seu irmão e Everton, conhecido como Mãozinha, também foram excluídos das investigações por não terem sido reconhecidos pela vítima e por testemunhas.

Chuck chegou a ser indicado como um dos participantes do crime por ter sido reconhecido inicialmente por uma testemunha, que voltou atrás em seguida.

T.L.S., que ainda permanece como suspeito, chegou a ser detido na semana passada em uma casa na rua rua Nelson Fonseca, no São Carlos VIII, Ele mudou de residência e assim que localizado pela Polícia deverá ser encaminhado à delegacia para ser submetido a reconhecimento.

Caso não seja reconhecido, ele também estará livre da acusação.

O crime

Dois homens chegaram ao posto em um Ônix para roubar um malote, porém foram surpreendidos com a reação do PM que estava em uma moto. Eles atiraram contra o policial, que ficou ferido no ombro.

O veículo usado pelos bandidos foi encontrado queimado na região de Rincão. Policiais militares que faziam patrulhamento pela região avistaram o carro em chamas em meio a um canavial. Quando se aproximaram notaram a presença de um Honda City roubado na cidade de Rio Claro.

Os homens que estavam ao lado iniciaram fuga pela Rodovia Jornalista Paulo de Arruda Correia da Silva e o condutor colidiu em uma placa de sinalização. Eles se evadiram pela mata e não foram localizados.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias