Menu
quarta, 26 de fevereiro de 2020
Em Franca

Laudo revela que jovem foi morta com 35 facadas pelo ex-marido

14 Fev 2020 - 08h03Por Redação São Carlos Agora
Jéssica foi brutalmente assassinada pelo ex-marido - Crédito: Arquivo/SCAJéssica foi brutalmente assassinada pelo ex-marido - Crédito: Arquivo/SCA

Exames realizados pelo Instituto Médico Legal (IML), em Franca, revelaram que a jovem Jéssica Carloni, 28 anos, foi morta com 35 facadas nas costas, peito e pescoço, além de outras escoriações.

O delegado Márcio Murari, responsável pelas investigações, afirmou que o laudo de necropsia era o último documento para encerrar as apurações sobre o caso.

Jessíca foi morta pelo ex-marido que foi preso logo após o crime que ocorreu no começo do mês. Com informações do GCN.net.br

O CRIME

O feminicídio ocorreu em uma chácara, onde um grupo de amigos estava reunido para a comemoração do aniversário de um deles.

Antônio Sérgio Rodrigues de 32 anos, vulgo "Buiu", ex-marido da vítima, não foi convidado para a festa, mas foi até o local, pois sabia que Jéssica estaria lá. O casal estava separado há cerca de um ano. Segundo uma amiga da vítima, a confraternização seguia tranquila e animada até a chegada do assassino.

O clima era tenso, porque ele se recusava a aceitar o fim do relacionamento e havia agredido a ex-mulher em ocasiões anteriores. Mesmo assim, os amigos imaginaram que poderiam evitar uma tragédia e insistiram para que Jéssica permanecesse no local. “Como tinha muita gente na festa, todo mundo falou para ela ficar de boa, porque se ele te por a mão, todo mundo segura ele’”, disse a amiga.

Meia hora depois, o anúncio da tragédia. “Eu vou te matar”, disse Buiú para a ex. Rapidamente, ele foi até o carro (Fiat Stilo) e voltou segurando uma faca.

O ex surpreendeu Jéssica pelas costas, que caiu no chão. Buiú então agrediu e golpeou a jovem dezenas de vezes. “Ele deu mais de 50 facadas nela”, disse a amiga. “Foi horrível. Ele disse que quem entrasse no meio ele ia matar”.

Jéssica não teve qualquer chance de defesa. “Foi pior que cena de filme, vendo todo mundo correndo, ele matando ela e não poder fazer nada”, lamentou a amiga. “Nunca achei que ia ver isso na minha vida”. Após assassinar a ex-mulher, o assassino fugiu. Minutos depois foi localizado e preso em situação de flagrante.

A Polícia Militar informou que o assassino já respondeu por um crime de homicídio e tinha uma medida protetiva para não se aproximar de Jéssica.

No dia 26 de outubro de 2019, Buiú havia tentado matar a ex-mulher. Na ocasião, ele atingiu com seu carro a moto que Jéssica pilotava com uma amiga na garupa. Com o impacto, as duas mulheres foram ao solo. Buiú fugiu do local sem prestar socorro. Jéssica relatou o fato numa rede social. “Até onde chega a covardia de um ser que se diz homem. Não foi carro que bateu na minha moto, foi o infeliz do meu ex que simplesmente não aceita o fim do relacionamento. Até onde isso vai, gente...”, desabafou.

O enterro da jovem aconteceu na tarde desta segunda-feira, no cemitério Jardim das Oliveiras, em Franca. 

 

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias