Menu
quinta, 06 de maio de 2021
Região

Em reunião com Zé Parrella, comando do 38º BPM apresenta mudanças na região

22 Abr 2021 - 18h43Por Redação São Carlos Agora
Em reunião com Zé Parrella, comando do 38º BPM apresenta mudanças na região - Crédito: divulgação Crédito: divulgação

O prefeito José Luiz Parella, ao lado do secretário municipal de Assuntos Jurídicos, Dr. Alessandro Rosa, recebeu em seu gabinete na última terça-feira, 20, o alto comando do 38º Batalhão da Polícia Militar de São Carlos (BPM/I).

Em pauta, a apresentação da Resolução SSP-14, que altera os limites territoriais das áreas de atuação da Polícia Civil e Militar na região. Entre as mudanças, Ibaté passa a pertencer à 1ª Companhia, sediada na cidade de São Carlos.

O comandante do 38º BPM/I, tenente coronel Otávio Augusto de Lima Seminate, ressaltou que essas mudanças trazem benefícios para toda a população da região que compreende o batalhão. “Essas mudanças visam atender três objetivos principais: a divisão isonômica de efetivo entre as Companhias do Batalhão; a manutenção do equilíbrio na relação entre a população fixada e o efetivo de policiais existentes; e a criação de uma Cia de Força Tática, que atenderá todas as cidades que compreendem o 38º BPM”, explicou.

Antes dessa reestruturação, ao lado do município de Dourado, Ibaté fazia parte da 2ª Cia, que era sediada em Ribeirão Bonito e contava com um efetivo fixado de 42 policiais. Agora, com a mudança, Ibaté passa a compor a 1ª Cia, a qual conta com um efetivo fixado de 112 policiais. “O Pelotão de Polícia Militar da cidade continua em operação e o policiamento ostensivo preventivo ganha um reforço com a Rocam [Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas] e a Cia. de Força Tática”, afirmou Seminate.

Também presente na reunião, a capitã Karina Rioli Pavan ressaltou que não haverá redução de efetivo ou perda de capacidade operacional aos municípios envolvidos na reestruturação. “Tanto os policiais quanto a respectiva frota de viaturas serão preservados nas cidades, sem qualquer subtração quantitativa”, afirmou.

Com a troca de Cia, a Polícia Militar de Ibaté volta a ser comandada pelo capitão Renato Gonzales, que já comandou o policiamento e conhece bastante os problemas enfrentados pela cidade. “Todas as Cias ganham muito com essas mudanças e aqui na cidade de Ibaté não é diferente. Teremos um efetivo maior para atender a população, especialmente, nesse momento de pandemia, onde a demanda tem aumentado bastante”, contou o capitão.

Zé Parrella agradeceu a visita e as explicações do comando do 38º e afirmou esperar que, de fato, essas mudanças tragam benefícios para a cidade. “A Prefeitura de Ibaté sempre fez a sua parte. Assinamos convênio com o governo estadual para a implantação da Atividade Delegada, sendo que, recentemente, aumentamos o valor que é pago aos policiais que atuam nessa função; equipamos e reestruturamos a nossa Guarda Civil Municipal, a qual tem ajudado e trabalhado ao lado das Polícias Civil e Militar; instalamos câmeras de videomonitoramento, que funciona 24h, em pontos estratégicos da cidade, enfim, tudo que está ao nosso alcance, estamos executando”, afirmou.

Os dados do Estado de São Paulo mostram que nos últimos anos houve expressivo crescimento da área urbana dos municípios paulistas, gerando impacto na demanda de atendimento das ocorrências policiais, no policiamento ostensivo preventivo, bem como, na incidência de crimes violentos, praticados por quadrilhas especializadas.

 
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias