sábado, 25 de maio de 2024
Região

Araraquara tem primeiro caso suspeito de coronavírus

28 Fev 2020 - 16h44Por Redação São Carlos Agora
Araraquara tem primeiro caso suspeito de coronavírus - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

Araraquara tem seu primeiro caso suspeito de coronavirus, atendido na rede privada da cidade. Trata-se de homem de 34 anos, recém chegado da Alemanha.

De acordo com Dr. Walter Figueiredo, diretor do USP Serviço Especial de Saúde de Araraquara Faculdade de Saúde Publica (SESA), todo o protocolo vêm sendo seguido, no sentido de salvaguardar também todas as pessoas que ele teve contato. O homem está gripado e não se sentia bem quando procurou atendimento na rede privada da cidade, após chegar de viagem da Alemanha. Todos os exames foram colhidos e o homem permanece em casa sendo monitorado.

Dr. Walter afirma que a Saúde de Araraquara está preparada para agir em caso de coronavirus, pois a doença vem de localizações geladas onde se propaga com mais facilidade, e no Brasil onde temos alta temperatura o vírus pode não resistir, “mas caso tenha propagação estamos preparados” afirmou o médico.

Todas as pessoas que tiveram contato com o suspeito estão sendo monitoradas até que o resultado dos exames chegue à cidade. Dr. Walter disse que ainda não tem uma data certa para que o Instituto Adolfo Lutz, envie de volta o resultado. (RCIA)

Nota da Prefeitura Municipal de Araraquara

Não existe caso confirmado de Covid-19 em Araraquara. Qualquer outra informação não passa de especulação, o que não colabora com as autoridades da área da saúde diante da iminente epidemia global da doença.

Temos, sim, uma pessoa residente do município que esteve em um país com registro de casos de contágio do vírus e que manifestou, nos últimos dias, sintomas semelhantes a um quadro gripal. Por prevenção, seguindo o protocolo da OMS (Organização Mundial da Saúde), foi coletado material para realização dos testes de contágio do Coronavírus 19. Isso não significa a existência da doença no paciente, bem como nos seus familiares e pessoas do convívio que estão sendo monitoradas.

Em um momento como o que vivenciamos, com riscos reais de uma epidemia no planeta, os alardes e especulações não colaboram com a saúde pública e geram pânico desnecessário, colocando em risco a organização do sistema público de saúde. Se algum caso do Covid-19 for comprovado no Município, as autoridades de saúde pública irão se manifestar imediatamente e todas as medidas necessárias serão tomadas.

Como prevenir o novo coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.

Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (mascára cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Leia Também

Últimas Notícias