quarta, 10 de agosto de 2022
25 vezes

Vereadores relatam dificuldades para encontrar Airton Garcia

Comissão Processante destaca a importância do prefeito de São Carlos apresentar a sua defesa em processo que investiga pagamentos supostamente irregulares de aluguéis

02 Ago 2022 - 16h48Por Redação São Carlos Agora
Gustavo Pozzi: presidente de Comissão Processante relata dificuldades para localizar Airton Garcia - Crédito: reproduçãoGustavo Pozzi: presidente de Comissão Processante relata dificuldades para localizar Airton Garcia - Crédito: reprodução

O presidente da Comissão Processante que investiga supostos pagamentos irregulares de aluguel de uma área no Cidade Aracy, Gustavo Pozzi (PL), ocupou a tribuna da Câmara nesta terça-feira (2) para relatar as dificuldades que encontra para notificar o prefeito Airton Garcia (UB). Somente na segunda-feira (1) foram 13 tentativas presenciais e cinco por telefone. “Aproveito a oportunidade e peço à imprensa que divulgue: amanhã, quarta-feira, às 11h, vamos à casa do prefeito para notificá-lo por hora certa”, afirmou.

A intenção dos membros da Comissão Processante é que o prefeito apresente sua defesa prévia diante das acusações. Gustano Pozzi traçou um histórico sobre as tentativas de notificar o prefeito.

“No dia 28 de julho foram realizadas duas tentativas, sendo uma no Paço Municipal e a outra no Condomínio Parque Sabará. Nesta tentativa junto ao Paço Municipal, verificou-se que o Partido União Brasil não se encontra regularmente constituído em âmbito municipal, o que levou à decisão de que fosse protocolizada a notificação junto ao seu diretório estadual, o que ocorreu no dia seguinte”, disse.

No dia 29 de julho foram realizadas mais seis tentativas, sendo três no Paço Municipal, outras duas no Parque Sabará e uma no Balneário do 29. “Tínhamos notícias que o prefeito estaria por aquelas redondezas fiscalizando a realização de obras públicas, mas não tivemos sucesso”, comentou.

Esposa

Gustavo Pozzi disse que a Comissão Processante tentou, por cinco vezes, contato com a primeira-dama, Rosária Cunha, porém sem sucesso. “Mandamos e-mail à Prefeitura solicitando que fosse agendada uma reunião para entrega da documentação. Ontem, foram realizadas 13 tentativas, sendo cinco no Paço Municipal, quatro no Condomínio Parque Sabará e quatro no escritório do prefeito, todas sem sucesso. Neste dia, além de ao menos cinco novas tentativas de contato telefônico e via WhatsApp junto à senhora Rosária, foram entregues notificações no Condomínio Parque Sabará e no Paço Municipal, informando que novas tentativas de notificação seriam realizadas com hora certa, às 11h00 e às 15h30, respectivamente, nesta quarta-feira”.

Azuaite França (Cidadania) sintetizou as tentativas infrutíferas de notificação do prefeito de São Carlos.  “Não conseguem notificar porque o prefeito não existe. Quem tem medo de investigação? Quem não deve, não teme”.

Dé Alvim (Solidariedade) defendeu as investigações e ressaltou que o diálogo é o melhor caminho para a cidade crescer. “O prefeito Garcia está sempre aberto ao diálogo, nunca fechou as portas do diálogo, que é o melhor caminho para a cidade crescer”.

Nota da Prefeitura Municipal

Em nota, a Prefeitura de São Carlos afirma que o prefeito Airton Garcia segue trabalhando. Na tarde desta terça-feira, segundo a administração, o chefe do Executivo faz hemodiálise. Ele considera que há um "desencontro de agendas".

Leia Também

Últimas Notícias