Menu
quinta, 28 de outubro de 2021
Esportes

São Paulo empata sem gols com o Botafogo no Pacaembu

19 Nov 2017 - 20h39Por Redação
Foto: Rubens Chiri/Sao Paulo FC - Foto: Rubens Chiri/Sao Paulo FC -

O São Paulo até tentou, mas não conseguiu sair do empate por 0 a 0 com o Botafogo no Pacaembu, em São Paulo, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, na tarde deste domingo, 19. O resultado mantém o time de Dorival Júnior em uma sequência sem vitórias, com três empates e uma derrota, enquanto os cariocas aguardam outros resultados para saber se seguem no G7, zona de classificação à Libertadores de 2018.

Com 46 pontos, o empate dentro de casa pode não ter sido o que o São Paulo esperava, mas manteve a sequência de nove jogos sem perder como mandante, com cinco vitórias e quatro empates - quatro jogos no Morumbi e cinco no Pacaembu. Já o Botafogo encerra a rodada com 52 pontos, de olho no jogo do Vasco, rival com 50 pontos.

O Botafogo aproveitou os primeiros minutos de jogo para subir a marcação e forçar um erro na saída de bola do time da casa. Em um vacilo do zagueiro Bruno Alves, Rodrigo Pimpão roubou a bola na linha de grande área e chutou forte contra Sidão, que conseguiu espalmar. Pelo lado do São Paulo o meia Shaylon aos poucos foi ganhando confiança. Aos oito minutos ele acertou um passe em diagonal que deixaria Pratto livre para marcar, mas o atacante errou o domínio.

Mais tarde, com 19 minutos, Shaylon limpou a marcação na intermediária e soltou uma bomba em direção ao ângulo de Gatito Fernándes, mas o goleiro paraguaio conseguiu espalmar. Mesmo sem Hernanes e Cueva, Dorival Júnior pediu para o São Paulo trabalhar a bola e os jogadores trocaram muitos passes, praticamente sem nenhum chutão. Esperando um erro, o Botafogo apostava na velocidade, principalmente pelas pontas.

Assim como no início da partida, o Botafogo voltou para o segundo tempo apostando em uma pressão na saída de bola do adversário. A estratégia poderia ter dado certo aos dois minutos, quando Valencia recebeu pela esquerda, dominou nas costas do Militão e rolou para Rodrigo Lindoso, que vinha de trás e bateu de primeira. Bruno Alves se esticou no meio do caminho e, de carrinho, conseguiu afastar o primeiro lance de perigo da etapa final.

Com 12 minutos, Sidão interceptou um cruzamento rasteiro do Botafogo e tentou sair jogando em velocidade, mas a bola bateu no árbitro Wilton Pereira Sampaio e caiu nos pés de Rodrigo Lindoso, que arriscou uma finalização de primeira para encobrir o goleiro, mas errou. Em resposta, aos 15, Edimar fez fila no meio campo e acertou um passe na diagonal, que dessa vez encontrou Pratto. O atacante dominou, ajeitou o corpo e conseguiu jogar na trave.

Dorival Júnior tirou Lucas Fernandes e deu uma chance para Cueva, que se reapresentou na manhã deste domingo. A entrada do peruano deu mais velocidade ao São Paulo e as principais jogadas ofensivas passavam pelos pés do meia. Na oportunidade mais clara, Junior Tavares hesitou na hora de finalizar e acabou batendo em cima de João Paulo. O Botafogo tentou responder, mas não levou mais perigo ao gol de Sidão.

No domingo, às 17h, o São Paulo enfrenta o Coritiba no Couto Pereira, em Curitiba, e fecha a temporada contra o Bahia em casa. Já o Botafogo enfrenta o Palmeiras em São Paulo no dia 27, segunda-feira, às 20h na Allianz Arena, e depois recebe o Cruzeiro no Nilton Santos, no Rio de Janeiro. (futebolpaulista.com.br)

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias