sábado, 25 de maio de 2024
Esportes

Kainã disputa o Paulista sub15 e sonha com o profissionalismo

Atleta usa os torneios promovidos pela Copa Evangélica como uma forma de adquirir maior experiência no meio

23 Jun 2015 - 08h43Por Redação
Jogador em ação pelo São Carlos contra a Ferroviária; além da Pentecostal da Bíblia, atleta disputa estadual Sub-15. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação - Jogador em ação pelo São Carlos contra a Ferroviária; além da Pentecostal da Bíblia, atleta disputa estadual Sub-15. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação -

Em cerca de dois anos de competição, a Copa Evangélica já trouxe aos seus torneios jogadores renomados no cenário futebolístico internacional. No futebol de salão no ano passado, a Missão Atos B conseguiu a quarta posição contando no elenco com o ex-lateral de São Paulo FC e Liverpool, Fábio Aurélio, e o ex-atacante do Celta de Vigo e Real Bétis, Edu. Mais recentemente, no campeonato de campo, a Nova Vida teve em seu time o experiente Baltazar Junior, com passagens por Palmeiras, Grêmio de Porto Alegre e seleção brasileira.

Por outro lado, existem também os que buscam se consagrar no futebol. Atualmente, quem se destaca no meio é Kainã Gabriel, de apenas 15 anos, que defendeu a Pentecostal da Bíblia na Copa Evangélica de futebol de campo e, desde o ano passado, disputa como volante o Campeonato Paulista Sub-15 pelo São Carlos FL, onde é capitão da equipe e quer dar sequência rumo ao profissionalismo.

Apesar da pouca idade, currículo não falta. Com passagens pelo também sãocarlense Clube Atlético Paulistinha durante sete anos, um terceiro lugar do Paulista Sub-13 pelo Independente de Limeira e experiência em torneios no Peru e na Suécia, ele quer trilhar o sucesso dentro das quatro linhas profissionalmente.

"Esse é o meu sonho. Tenho treinado bastante e procurado me aprimorar no que for possível para isto. Acredito que vem dando resultado, pois apesar de ser uma carreira ainda curta, considero bastante produtiva", relata Kainã.

Para tanto, o atleta usa os torneios promovidos pela Copa Evangélica como uma forma de adquirir maior experiência no meio, visto que enfrenta jogadores que inclusive tiveram passagens pelo profissionalismo e, por isso, podem auxiliá-lo em algo visando o aprimoramento técnico.

"Posso dizer que foi uma oportunidade muito gratificante poder disputar o campeonato de futebol de campo. Uma experiência boa, em que chegamos até longe demais [a Pentecostal da Bíblia foi vice-campeã] e marquei cinco gols, sendo o artilheiro da equipe [ao lado do atacante Irisvalter]", lembra.

Já para a Copa Evangélica de futebol de salão, Kainã ressalta que tem a pretensão de mais uma vez disputar a competição por sua igreja, que tentará fazer uma melhor campanha em relação à última edição, quando foi eliminada ainda na fase oitavas de final.

"Quero disputar o torneio, sem dúvida, e tenho certeza que podemos chegar mais longe. Basta o time conseguir apresentar principalmente humildade e união, além de um bom futebol", conclui Kainã.

O início da Copa Evangélica de futebol de salão está previsto para o dia 1º de agosto, e será dividida em duas divisões. Por conta de sua campanha em 2014, a Pentecostal da Bíblia automaticamente entra na primeira divisão, que deverá contar com a participação de 20 equipes.

Leia Também

Últimas Notícias