Menu
sábado, 08 de agosto de 2020
Em teleconferência

Handebol faz o ‘calendário Covid’ e estipula retorno às atividades em 15 de junho

15 Abr 2020 - 08h34Por Marcos Escrivani
Em teleconferência, FPH estipula retorno às atividades no dia 15 de junho. A princípio - Crédito: DivulgaçãoEm teleconferência, FPH estipula retorno às atividades no dia 15 de junho. A princípio - Crédito: Divulgação

A Federação Paulista de Handebol é a primeira entidade esportiva no estado de São Paulo a dar o primeiro passo em busca de um possível retorno às atividades normais. Pelo menos esta foi, a princípio, a impressão deixada após uma teleconferência realizada na tarde/noite desta terça-feira, 14. Paulo Muratori, presidente da entidade, comandou a conferência online que reuniu diversos dirigentes. Entre eles, Antonio Carlos Rodrigues, técnico do H7 Esportes/La Salle.

Após muito debate a FPH definiu o “calendário Covid”, tendo em vista que o adiamento de todas as atividades esportivas aconteceu justamente à pandemia do novo coronavírus onde a não aglomeração de pessoas foi recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Ministério da Saúde.

A princípio, as atividades retornam no dia 15 de junho e até o dia 30 do mesmo mês iriam ocorrer treinos para preparar as equipes. O H7 Esportes/La Salle confirmou presença no Campeonato Paulista Junior feminino e os jogos teriam início dia 7 de julho e a fase qualificatória terminaria no dia 17 de outubro. De 18 de outubro a 5 de dezembro ocorreriam os play-offs, quando seria definido o campeão da temporada.

Estão confirmadas na categoria além de São Carlos, Guarulhos, Santos, Pinheiros, Sorocaba, Hortolândia e Araraquara.

De acordo com o regulamento após turno único na primeira fase, as duas primeiras colocadas se classificam direto para a semifinal. Da 3ª a 6ª colocada jogam em mata-mata pelas quartas de final e os vencedores se juntam as semifinalistas.

“A princípio ficou definido este cronograma. Mas estamos atentos às recomendações das autoridades sanitárias e caso não seja possível manter este calendário, será feita uma nova teleconferência e definidas novas datas e uma reformulação da competição”, disse Antonio Carlos.

TUDO APERTADO

Tendo em vista a impossibilidade de uma temporada com datas que permitam uma preparação adequada, Antonio Carlos enfatizou que orienta suas atletas e seguindo as orientações da FPH terá 15 dias de treinos para preparar o time. “Não é o ideal, mas foi que pode ser feito diante desta crise mundial da saúde”, disse, salientando que a tabela de jogos será definida somente em maio”.

Indagado se acredita que o campeonato inicie em julho, o jovem treinador são-carlense acredita que deva acontecer alterações. “A maioria das equipes está na Grande São Paulo e hoje vemos que a pandemia coloca em alerta as autoridades médicas que lutam contra esta infecção para que ela não se propague. Particularmente acredito que em maio tenha uma nova reunião online e novos ajustes aconteçam. Até mesmo com a redefinição de novas datas”, finalizou.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias