quinta, 22 de fevereiro de 2024
Esportes

Copa Evangélica: Com terceiro lugar, atleta celebra campanha da Conviver A

04 Jun 2017 - 02h37Por Gustavo Curvelo/colaborador
Caio [esquerda] foi o capitão da Conviver A na Copa Evangélica de futebol. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação - Caio [esquerda] foi o capitão da Conviver A na Copa Evangélica de futebol. Foto: Gustavo Curvelo/Divulgação -

A campanha da Conviver A na Copa Evangélica de futebol é digna de reconhecimento entre seus atletas. Premiada com o troféu de Melhor Testemunho e sem nenhuma expulsão durante o torneio, a equipe somou, dentro das quatro linhas, retrospecto de quatro vitórias, dois empates e apenas duas derrotas, o que resultou na conquista do terceiro lugar geral e na igualdade de sua melhor posição na história da competição, equiparando 2015.

De acordo com o capitão Caio Leite, a Conviver A obteve um retrospecto ideal com relação aos seus objetivos, sobretudo na parte disciplinar. "Não sofremos nenhum cartão vermelho, tivemos os atletas comprometidos com a ideia do grupo e garantimos o troféu de Melhor Testemunho. Foi o campeonato perfeito", ressalta o volante.

Em campo, o time do técnico Carlos Rocha se estruturou para buscar o título, mas ficou pelo caminho na semifinal. "Nos outros anos, sempre entramos na Copa apenas para participar. Nesta temporada, fechamos a equipe e estabelecemos que o nosso foco era ganhar, ser campeão. O título não veio, mas fizemos boas partidas e perdemos apenas dois jogos ao longo do torneio, sempre apertado", avalia Caio.

O duelo derradeiro, que encerrou as pretensões da taça por parte da Conviver, aconteceu na semifinal. Diante da invicta Quem Procura Acha, que uma semana mais tarde sagrou-se campeã, a equipe desperdiçou diversas oportunidades de gol e foi penalizada com derrota por 2 a 1.

"Fizemos um bom jogo, mas perdemos muitos gols e a bola pune. Para nós, ficou a sensação que poderíamos ter chegado à final. Assistimos ao jogo valendo o título pensando nisso, mas faltou fazer os gols no jogo anterior. Mesmo assim, fomos à disputa e terceiro e quarto lugar e vencemos, então também não podemos reclamar de nossa campanha", finaliza Caio Leite.

No Grupo A na primeira fase, a Conviver A começou a Copa Evangélica com derrota para a Pentecostal da Bíblia, por 4 a 2. Depois, a classificação veio com quatro partidas de invencibilidade: empate diante da Metodista, em 3 a 3, e vitórias contra Internacional da Vida e Igreja da Graça, ambas por 3 a 2, e Presbiteriana Renovada, por 2 a 1. Nas quartas de final, o time avançou pelos critérios de desempate contra a Conviver B após 1 a 1 no placar, mas foi derrotado pela Quem Procura Acha na fase seguinte, por 2 a 1, e encaminhada à disputa de terceiro lugar, onde bateu novamente a Igreja da Graça, desta vez por 4 a 0.

Leia Também

Últimas Notícias