Menu
segunda, 01 de março de 2021
Série A3

A pequena Monte Azul Paulista está em festa e o Audax renasce para o futebol

29 Abr 2019 - 08h57Por Redação
A pequena Monte Azul Paulista está em festa e o Audax renasce para o futebol - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

Neste sábado, 27, foram definidas as duas equipes oriundas da Série A3 que disputarão a Série A2 de 2020. De forma surpreendente, Audax e Monte Azul superaram as adversidades e garantiram presença na última parada antes de chegar a elite do futebol paulista.

Em Porto Feliz, Desportivo Brasil e Monte Azul se encontraram para jogo que estava totalmente aberto após o empate de 0x0 em Monte Azul Paulista. O Monte Azul fez um grande primeiro tempo, partindo para cima logo no início e abrindo o marcador aos 5 minutos. Na sua primeira chegada ao ataque, Gabriel Souza recebeu na entrada área, tirou do zagueiro e chutou forte. O goleiro Eder vacilou e a bola tocou na trave, sobrando livre para Caio Martins empurrar para o gol vazio. O gol inflamou os torcedores que viajaram mais de 300 km até Porto Feliz e o embalo da torcida, fez com que o time continuasse jogando bem. Tanto que aos 21 minutos, Jonathan recebe no lado direito e cruza. A bola toca no zagueiro e sobe. Na caída, outra vez Caio Martins foi oportunista e acertou uma bomba de primeira. Ainda ano primeiro tempo, o Dragão Chinês tentou a reação, mas parou no goleiro Caio. Na volta do intervalo, o jogo continuou aberto e os goleiros Caio pelo lado do Monte Azul e Eder pelo lado do Desportivo Brasil iam se destacando.

Aos poucos o cansaço foi batendo e os jogadores do Desportivo Brasil foram sentindo que estava tudo perdido. Ainda deu tempo de diminuir o marcador com Marcelo Campanholo, que não se sabe se foi cruzar ou teve a intenção de finalizar, mas foi feliz com um belo gol, porem já nos acréscimos. Pouco depois, após o apito final festa da equipe do Monte Azul tomou conta do Ernesto Rocco, concretizando a volta a Série A2, após ter passado os últimos 3 anos na série A3.

Já em Barretos, quase 5 mil expectadores no Estádio Fortaleza esperavam ansiosos para comemorar o acesso do Touro do Vale, já que o Barretos, havia construído uma boa vantagem em Osasco e até uma derrota simples poderia garantir o acesso. Pois é, mas faltou combinar com os visitantes que começaram a partida de forma alucinante. Logo aos 5 minutos, Giovani chuta, a bola desvia na zaga e sobra para Danrley que acertou a trave, porem no rebote Samuel Pizi só teve o trabalho de empurrar para o gol. O Barretos nem havia assimilado o golpe quando aos 8, foi a vez de Darley receber cruzamento rasteiro e desviar do goleiro Wendell. Com a vantagem desmoronada, só restou ao Barretos atacar. O time partiu pra cima, mas não era feliz nas conclusões. No segundo tempo, a pressão continuou, mas o atacante Anderson Magrão não estava numa noite feliz e via suas conclusões pararem no goleiro Jeferson Romário. O time visitante ainda esteve perto de fazer o terceiro num contra-ataque rápido, mas Wendell parou Matheus Marcondele. O resultado de 2x0, garantiu o retorno do Audax a série A2, após ser o único a garantir a vaga na fase decisiva. Aliás, as duas equipes classificadas que menos fizeram pontos na primeira fase, foram agraciadas com o acesso. Coisas do futebol! (Ednelson Simonetti - MTB 88063)

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias