Menu
domingo, 01 de agosto de 2021
Cidade

Trabalhadores aprovam Estado de Greve na Tecumseh

Em forma de protesto, metalúrgicos atrasaram 30 minutos as entradas de todos os turnos

03 Out 2011 - 17h25

Em assembléia realizada no domingo, 02, na Sede do Sindicato dos Metalúrgicos de São Carlos e Região, os trabalhadores na Tecumseh do Brasil, reprovaram a proposta da Campanha Salarial e decidiram pelo Estado de Greve.

A proposta rejeitada consiste em 2,43% de aumento real, fim do escalonamento das refeições e 180 dias de licença maternidade, a partir de novembro; e o fator que causou a reprova: ticket alimentação de R$50,00, a partir de abril de 2012. Os trabalhadores reivindicam a antecipação da data de início de pagamento do ticket.

Nesta segunda-feira, 03, o Aviso de Greve foi entregue a empresa, que terá 48 horas para apresentar nova proposta.
Os trabalhadores na Planta II, em forma de protesto, atrasaram 30 minutos a entrada de todos os turnos de trabalho. Na terça-feira será a vez dos metalúrgicos da Planta I.

De acordo com o vice presidente do Sindicato, Vanderlei Strano, os trabalhadores mostraram que estão unidos e em busca do mesmo objetivo. “A empresa só entende a necessidade do trabalhador quando suas máquinas estão paradas, e hoje a disposição de luta dos companheiros ficou mais evidente do que nunca”, disse.

Para o metalúrgico e vereador Ronaldo Lopes, os trabalhadores estão em um grau de consciência jamais visto antes. “Toda essa organização e mobilização é resultado do respeito que os trabalhadores têm pelo trabalho da nova diretoria do Sindicato”, ressaltou.

Erick Silva, presidente do Sindicato, destacou que uma nova história de luta está sendo construída pelos trabalhadores. “É com muito orgulho que vemos esses trabalhadores mobilizados como nunca antes aconteceu, e com essa unidade apostamos que sairemos fortalecidos e vitoriosos na busca pela reivindicação dos companheiros”,explicou.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias