Menu
segunda, 25 de outubro de 2021
"Vidas talhadas no avesso da história"

Pesquisadores da UFSCar lançam livro sobre o trabalho nos canaviais

03 Mai 2019 - 07h57Por Redação
Pesquisadores da UFSCar lançam livro sobre o trabalho nos canaviais - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

"Vidas talhadas no avesso da história: estudos sobre o trabalho nos canaviais", obra organizada pelos sociólogos e pesquisadores da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) Maria Aparecida de Moraes e Silva e Lúcio Vasconcelos de Verçoza, é uma coletânea de pesquisas realizadas sobre o trabalho nas lavouras de cana-de-açúcar. Lançado pela Editora Annablume, o livro contou com financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

Nas últimas décadas, o Brasil tem se projetado como um dos maiores produtores de commodities do mundo, como soja, milho, açúcar, café, laranja, carnes e minérios. Na contramão da visibilidade dos volumes gigantescos desta produção, há o ocultamento e, até mesmo, a negação das pessoas que labutam nas produções. Nesse contexto, o livro lança luz especificamente sobre os trabalhadores dos canaviais.

Os pesquisadores que assinam os artigos penetram nas profundezas dos canaviais paulistas e alagoanos, munidos de ferramentas teórico-metodológicas, a fim de descobrir o avesso da produção canavieira. História relatada, vivenciada e sentida por homens, mulheres e crianças que tantas vezes deixam suas terras, seus locais de origem em busca de trabalho. São nômades que circulam de um canto a outro do País, deixando rastros que são apagados pela mesma engrenagem que os move. A obra revela a empreitada movida pelos autores para desapagar esses rastros e trazer ao palco os sujeitos que fazem esta história.

OS AUTORES

Maria Aparecida de Moraes Silva é livre-docente na UFSCar e na Universidade Estadual Paulista (Unesp). Tem experiência na área de Sociologia, com ênfase em Sociologia Rural, atuando principalmente nos seguintes temas: agricultura e capitalismo, exploração do trabalho, modernização agrícola, trabalhadores e assentamentos rurais. Lúcio Vasconcellos de Verçoza, mestre e doutor pela UFSCar, tem atuado principalmente com agricultura e capitalismo, assalariamento rural, migração, conflitos de classe e saúde do trabalhador.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias