Menu
segunda, 01 de março de 2021
Cidade

Funcionários da creche Anita Costa ameaçam paralisar atividades

08 Jun 2016 - 11h26
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

Aproximadamente 30 funcionários da creche Anita Costa, localizada no centro de São Carlos, prometem paralisar as atividades esta semana. As informações foram passadas por trabalhadoras via whatsapp ao São Carlos Agora e solicitaram anonimato. A direção da creche desmente a versão (ver resposta no final da matéria).

O motivo da greve é, segundo elas, seria o fato da Prefeitura Municipal não ter repassado uma subvenção mensal. Todo o início do mês a Secretaria Municipal de Fazenda deposita R$ 74.148,00. O último repasse teria acontecido no dia 5 de maio, mediante boletim emitido pela municipalidade.

O prazo para que seja feito tal pagamento dado pelas funcionárias é até sexta-feira, 10. Caso isso não ocorra, na segunda-feira, 13, elas devem cruzar os braços.

FILANTROPIA

A creche Anita Costa é uma entidade filantrópica. Por este motivo depende exclusivamente de repasses municipais. As funcionárias questionam ainda o motivo da entidade não possuir reserva em caixa.

"Não é um valor baixo que a Prefeitura repassa e a creche possui 30 funcionários. A alimentação vem toda do município também", indagam as reclamantes.

OUTRO LADO

O São Carlos Agora procurou ouvir a direção da creche que encaminhou uma nota oficial se posicionando sobre as denúncias dos funcionários. No texto, a direção adianta que tudo já está solucionado e que teria ocorrido o atraso no repasse de apenas um dia.

A nota:

"A Creche mantém convênio com a Prefeitura Municipal, onde são feitos os repasses mensais, ou seja, 12 parcelas, porém como é de conhecimento, todo funcionário, além dos 12 salários anuais recebe 13º e abono de 1/3 de férias, portanto das 12 parcelas repassados pela prefeitura são mensalmente feitas as provisões de 13º Salário, provisão de abono de férias, provisão de rescisão. Lembramos também que arcamos com os valores de FGTS, Previdência Social, que em nosso país é o maior sacrifício das empresas, bem como demais encargos trabalhistas. Nossa reserva também engloba o reajuste salário da convenção coletiva sindical, uma vez que os salários serão reajustados, mas o convênio com a prefeitura não, toda a carga é suportada pela creche. Como veem todas essas previsões tem que ser levada em conta. A creche possui uma grande rotatividade de funcionários, ou seja, muitos funcionários admitidos e demitidos mensalmente, mantendo uma média de 35 funcionários. O valor do convênio também é utilizado para as despesas de manutenção do prédio que contém mais de 60 anos e manutenções são recorrentes. Por fim o convênio também é utilizado para complementação da merenda, pois o que vêm da prefeitura não é suficiente para atender as 250 crianças mantidas pela Creche em tempo integral, bem como também complemento dos materiais pedagógicos utilizados durante todo o ano.

Esse mês, também fomos pegos de surpresa com o atraso do repasse devido a problemas enfrentados pela Secretaria de Fazenda do município, mas que será sanado em breve. O pagamento de salário já foi realizado com o dinheiro das provisões, o atraso de 1 dia, se deu pelo fato do dinheiro se encontrar em aplicação financeira e necessitar procedimento para resgate. A Creche Anita Costa foi fundada em 1952 e até hoje cumpre e continuara cumprindo sua atividade filantrópica, contribuindo para formação de cidadãos são-carlenses".

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias