Menu
quarta, 15 de agosto de 2018
Região

Justiça ouve acusado de matar professora em Itirapina

11 Fev 2014 - 14h29
Simone Lima foi brutalmente assassinada dentro da escola. (facebook) - Simone Lima foi brutalmente assassinada dentro da escola. (facebook) -

Começou às 13h30 desta terça-feira (11), no Fórum de Itirapina, a audiência com o estudante Thomas Hiroshi Haraguti, que matou a facadas na noite do dia 11 de março do ano passado a professora Simone Lima, dentro da Escola Estadual Professor Joaquim de Toledo Camargo.

Além do réu, serão ouvidas sete testemunhas de acusação.

A advogada da família da professora, Luiza Helena Sanches, acredita que Haraguti será levado a júri popular.

Prisão

Logo após o crime que chocou a cidade, uma verdadeira operação foi montada na cidade com o apoio de policiais da Força Tática e do Canil de Rio Claro. Haraguti foi encontrado em uma mata perto da represa do Broa. As pegadas deixadas na terra ajudaram a localizá-lo. Ele vestia roupas escuras para se camuflar na escuridão. Dois estiletes foram apreendidos com o suspeito.

Acusado foi preso logo após o crime. (Vinicius Néo).O rapaz confessou o assassinato e segundo os PMs, em nenhum momento demonstrou arrependimento. Disse apenas que sentia raiva da professora e que não conseguia mais se controlar e que tinha que dar um fim naquilo.

Segundo informações de estudantes da escola, o autor era apaixonado pela professora, porém não era correspondido e isso lhe causava revolta.

 

 

 

 

 

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias