Menu
terça, 23 de outubro de 2018
Cidade

São Carlos vai sediar Cidade da Bionergia

21 Nov 2008 - 12h22Por Redação São Carlos Agora
No final da tarde de quinta-feira (20), em São Paulo, o prefeito Newton Lima, o presidente da Abimaq (Associação Brasileira de Máquinas), Luiz Aubert Neto, o presidente da Embrapa, Silvio Crestana, e os ministros Reinhold Stephanes (Agricultura) e Sérgio Machado Resende (Ciência e Tecnologia) assinaram um acordo de cooperação para viabilizar a construção da Cidade da Bioenergia em São Carlos. Os investimentos serão de aproximadamente R$ 80 milhões.Do total de investimentos previstos, R$ 50 milhões serão aportados pelo governo federal; R$ 25 milhões pela Abimaq e R$ 5 milhões pela Prefeitura de São Carlos. Segundo Stephanes, a Cidade da Bioenergia será mais um centro tecnológico que acompanha a rede de pesquisas no Brasil. “A criação da Cidade da Bioenergia é extremamente importante, pois ajuda muito no desenvolvimento de programas e na intenção de atingir as metas de aproveitamento do material utilizado na produção do etanol”, disse.

Sérgio Resende enalteceu as qualidades de São Carlos para abrigar a Cidade da Bioenergia. “É um local com equipamentos e recursos humanos que demonstram que o Brasil pode ter uma outra matriz energética baseada em plantas, que contribuirá para diminuir os efeitos dos gases de efeito estufa”, observou. “Geograficamente, São Carlos tem a localização ideal. Ela é cercada de produtoras de etanol, além de possuir grande potencial de conhecimento”, completou.Luiz Aubert Neto acredita que a Cidade da Bioenergia será referência mundial na produção de conhecimento na área de energia renovável e fez questão de frisar que esse projeto não se restringe apenas à realização da Agrishow em São Carlos. “A Cidade da Bioenergia é um projeto mais amplo, é uma idéia inovadora. A Agrishow é apenas um apêndice do projeto. Sem dúvida, também contaremos com o apoio das universidades e da Embrapa para o sucesso da Cidade da Bioenergia”, explicou.

O prefeito Newton Lima confirmou que a Cidade da Bioenergia será inaugurada em abril de 2010 “São Carlos e região terão um projeto nacional, que vem ao encontro da política de biocombustíveis e bioenergia que o presidente Lula colocou como vanguarda. Vamos receber missões internacionais durante o ano todo, não apenas em um episódio. A partir de 2010 teremos exposições, negócios, difusão tecnológica, treinamento e capacitação de missões. O mundo virá para São Carlos e região, e  isso é um orgulho para uma cidade que já é conhecida como a capital da tecnologia”, esclareceu. NanotecnologiaO presidente da Embrapa, Silvio Crestana, disse que a área de 240 hectares da Embrapa em que será construída a Cidade da Bioenergia será cedida à Abimaq por 50 anos, renováveis por mais 50. Como complemento do projeto Cidade da Bioenergia, Crestana informou que a Embrapa vai inaugurar oficialmente, no início do próximo ano, o Laboratório Nacional de Nanotecnologia para o Agronegócio, também localizado em São Carlos. A instituição é fruto de parceria da Emprapa e do Ministério da Ciência e Tecnologia. “O laboratório abrange desde a linha de pesquisa em biomassa, passando pelo desenvolvimento de novos materiais, como sensores, até a segunda geração de biocombustíveis”, adiantou Crestana.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias