quinta, 07 de julho de 2022
Comoção na sociedade

Vítimas de ataque a ônibus serão enterradas nesta quarta-feira

Roseli Ramalho Ferreira, Valdemar da Silvia Venâncio e Adriana Coelho da Silva morreram esfaqueadas em Piracicaba

22 Jun 2022 - 15h07Por Redação
As vítimas do ataque ao ônibus em Piracicaba serão enterradas nesta quarta - Crédito: DivulgaçãoAs vítimas do ataque ao ônibus em Piracicaba serão enterradas nesta quarta - Crédito: Divulgação

Sob forte comoção, Piracicaba irá parar na tarde desta quarta-feira, 22, em homenagem as três pessoas que morreram esfaqueadas dentro de um ônibus. O ataque foi na tarde de terça-feira, 21.

A funcionária do Sindicado dos Trabalhadores Metalúrgicos, Roseli Ramalho Ferreira, de 55 anos, será sepultada no Cemitério Parque às 16h em São Pedro. Valdemar da Silvia Venâncio, de 68 anos, será sepultado às 17h no Cemitério da Saudade e Adriana Coelho da Silva, 42 anos, será sepultada às 17h no Cemitério da Vila Rezende. .

Um homem de 28 anos também foi socorrido em estado grave após o ataque e passou por cirurgia no Hospital dos Fornecedores de Cana de Piracicaba (HFC). Uma quinta vítima, uma mulher de 60 anos, foi levada ao HFC e seu quadro de saúde é estável.

De acordo com as autoridades policiais, o responsável pelo ataque é José Antonio Santana Filho, 52 anos, morador em Piracicaba  teria embarcado no Terminal Central daquela cidade.

O ônibus teria como destino a Vila Sônia, mas um quilômetro adiante, por volta das 15h, José Antonio iniciou o ataque.

PMs que estavam nas proximidades, foram até o coletivo e o abordaram, apreendendo a arma do crime.

Preso em flagrante, José Antonio foi encaminhado ao Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic). Consta em seus antecedentes, passagens pela prática de vários crimes.

Leia Também

Últimas Notícias