Menu
quarta, 12 de maio de 2021
Região

Esposa de motoboy que morreu de Covid-19 passa por necessidades e pede ajuda

Josy Recco explicou que está se desfazendo de alguns bens, mas as contas são muitas.

26 Abr 2021 - 08h33Por Redação São Carlos Agora
Anderson Recco - Crédito: arquivo pessoalAnderson Recco - Crédito: arquivo pessoal

A esposa do motoboy Anderson Recco, de 37 anos, que morreu vítima do novo Coronavírus, no dia 18 de abril, está precisando de ajuda.

Em contato com o portal Região em Destake, Josy Taconelli Recco contou que Anderson ficou sem trabalhar cerca de 20 dias e as dívidas do casal acabaram se acumulando. “Estou envergonhada em enviar essa mensagem, porém, as contas se acumularam e não tenho pra onde correr”, explicou. “Não acredito que estou fazendo isso, mas preciso de ajuda. Quem me conhece sabe que não eu do meu feitio pedir, mas chegou num ponto que o desespero bateu”, completou.

Ela relatou ainda que agora está adaptando sua vida para viver e cuidar da filha do casal, de 11 anos, apenas com o seu salário e que isso só será possível quando conseguir quitar as dívidas que tinham mensalmente. “Anderson era uma pessoa muito responsável e correta, que prezava demais seus compromissos. Por isso, quero honrá-lo dessa maneira”, afirmou.

Josý explicou que está vendendo seu carro, que ainda falta quitar. “Fora as parcelas do carro, tenho cartões de crédito, lojas e supermercado. Coisas que tínhamos condições de pagar, mas, infelizmente pelo que aconteceu, estou desesperada”, explicou.

Ela pede ajuda e ao mesmo tempo perdão por estar pedindo. “Dói ter que fazer isso, mas estou sem ter pra onde correr, realmente”, afirmou.

Quem tiver interesse em ajudar pode entrar em contato com Josy através do telefone (16) 99141-3280.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias