Menu
sábado, 15 de maio de 2021
Região

Dia Nacional do Diabetes é lembrado em Ibaté

14 Nov 2012 - 08h48

Neste dia 14, data dedicada ao Diabetes, o tema é tão importante que o assunto não passou despercebido pelo Departamento Municipal de Saúde de Ibaté.

Os agentes de saúde que trabalham no município orientam para que as pessoas que possuem a doença façam regularmente o exame, podendo assim controlar e tratar o problema de maneira correta.

Aqueles que não sabem ou desconfiam ter o diabetes, devem se dirigir até a unidade de saúde mais próxima de sua residência, preferencialmente em jejum, e solicitar o exame, o qual é feito na hora, e a pessoa sai do local com as orientações necessárias. Se necessário, até mesmo o encaminhamento médico, caso sejam identificadas como portadoras da doença.

Prevenção - O Departamento de Saúde reforça a atenção para o assunto, e informa que o exame é feito diariamente. O importante é não deixar o assunto para depois. “Muitas pessoas desconfiam ter a doença e ficam prorrogando a realização do exame, em alguns casos por medo ou até mesmo por achar que não possuem. Mas tal prática coloca em risco e agrava cada vez mais a saúde da pessoa portadora”, enfatizou a enfermeira Elaine Sartorelli.  “É um procedimento rápido e eficaz, o qual pode evitar problemas e contribuir com a boa saúde de todos, assim que possível, procurem uma unidade de saúde e façam o exame”, aconselhou o Prefeito José Luiz Parella.

Diabetes - Provocado pela deficiência de produção ou ação da insulina, que leva a sintomas agudos e complicações crônicas características, o diabetes é um distúrbio que envolve o metabolismo da glicose, gorduras e proteínas, com  graves consequências tanto quando surge rapidamente como quando se instala lentamente.

Atualmente é caracterizada como problema de saúde pública pelo número de pessoas que apresentam a doença, não fazendo distinção entre crianças, jovens, adultos ou idosos. Estimativas apontam que o Brasil possui 240 milhões de pessoas com a doença.

O diagnóstico pode ser presumido em pacientes que apresentam os sintomas e sinais clássicos da doença, que são: sede excessiva, aumento do volume e do número de micções (incluindo o surgimento do hábito de acordar a noite para urinar), fome excessiva e emagrecimento.

Não existe causa definida para o surgimento da doença, mas pessoas com parentes diabéticos têm maior probabilidade de desenvolver a doença, principalmente se existirem outros fatores de risco, tais como: obesidade, estresse, sedentarismo, doenças infecciosas, abalos emocionais e gravidez.

Recomenda-se manter o controle da glicemia seguindo corretamente todas as orientações médicas e nutricionais.
Na maior parte das pessoas com o diabetes, o bom controle das taxas de glicemia previne as intercorrências. O tratamento adequado e o controle da pressão arterial são considerados fundamentais para evitar estas complicações, podendo, em alguns casos, até regredir os processos.

É recomendável, também, o controle do colesterol, parar de fumar, ter uma dieta mais balanceada e até mesmo o uso de algumas medicações, sempre orientado por um especialista.

Com base em tudo isso, o Departamento Municipal de Saúde de Ibaté orienta que a população se atente a todas as informações, e previna-se, esse com certeza é o melhor tratamento para problemas futuros.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias