Menu
quarta, 20 de janeiro de 2021
De olho na temporada...

Grêmio São-carlense reinicia os trabalhos em fevereiro

Equipe deve anunciar reforços em janeiro para montar um grupo competitivo e disputar a Série B do Campeonato Paulista

05 Jan 2021 - 06h54Por Marcos Escrivani
Marcus Vinícius: “Em janeiro devemos fechar com alguns atletas que irão se juntar com parte do grupo que permanente desde o ano passado” - Crédito: Marcos EscrivaniMarcus Vinícius: “Em janeiro devemos fechar com alguns atletas que irão se juntar com parte do grupo que permanente desde o ano passado” - Crédito: Marcos Escrivani

Caso a pandemia da Covid-19 permita e obedecendo todos os protocolos de segurança, a comissão técnica do Grêmio São-carlense marcou para o dia 1º de fevereiro a reapresentação dos atletas. Este será o dia do reinicio das atividades, de olho no Campeonato Paulista da Série B.

Caso nenhum imprevisto ocorra, o campeonato organizado pela Federação Paulista de Futebol (FPF) comece na primeira quinzena de abril e termine somente em novembro, com jogos somente nos finais de semana (sábado e domingo).

Com este planejamento, o técnico Marcus Vinícius realiza desde dezembro um monitoramento de vários atletas que tem possibilidade de vestir a camisa gremista na temporada 2021. “Ainda não foram feitas contratações, pois apenas estamos monitorando. Em janeiro devemos fechar com alguns atletas que irão se juntar com parte do grupo que permanente desde o ano passado”, observou o treinador.

BUSCAR ALGO MELHOR

Buscar algo melhor, “algo grande”. Com este pensamento, em entrevista ao São Carlos Agora, Marcus Vinícius definiu quais são as metas gremistas para 2021.

Mantendo a filosofia de 2020, mesmo sem conhecer, ainda, os adversários, já que a FPF não fez o congresso técnico, o treinador salientou que inicialmente é montar um grupo e se classificar para a segunda fase do torneio. “O trabalho é feito sempre com o intuito do acesso a Série A3”, antecipou.

Esta meta não foi alcançada em 2020. Apesar de sofrer apenas uma derrota em um grupo onde disputou de igual para igual com equipes tradicionais do futebol paulista como Francana, XV de Jaú, Matonense e Internacional de Bebedouro, a equipe caiu na primeira fase.

“Os possíveis erros e tropeços verificados em 2020 foram analisados friamente e acredito que a competição foi nos dando caminhos para aprendizado. Uma equipe mais madura para ter mais concentração durante o jogo e saber lidar com equipes que joguem por uma bola”, explicou Marcus Vinícius.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias