Menu
sexta, 05 de março de 2021
Colunistas

Artigo Rui Sintra: Essa é a minha gente

10 Ago 2016 - 14h02Por (*) Rui Sintra
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

Neste momento, não estou nem aí para que o presidente do STF tenha chamado o advogado de Dilma Rousseff, José Eduardo Cardozo, de "nosso advogado" (nosso???), nem que os inflamados discursos do senador do PT, Lindbergh Farias, atentem, inclusive, contra a segurança pública, nem que Dilma, Lula, José Serra, Eduardo Cunha, Alckmin ou Aécio Neves sejam presos; nem sequer me importo se o registro do PT possa ser cassado ou não, ou se o PCC possa, eventualmente, virar partido político. É que, em caso de emergência e quando todas as outras estruturas falharem - inclusive as políticas -, sempre temosa Força Nacional.

Neste momento, o que mais me importa é valorizar, respeitar, enaltecer e sublinhar os atletas brasileiros presentes nas Olimpíadas do Rio de Janeiro, um vasto grupo de jovens que merece o maiorincentivo e aplauso, inclusive aqueles que fazem parte da seleção olímpica brasileira de futebol e que, segundo se pode observar, parece estarem mais preocupados com sua imagem e vaidade pessoal do que representar o país com entrega, espírito de sacrifício e competitividade.

Lembrar a cerimônia de abertura destas Olimpíadas, magnífica em termos de arte, criatividade e beleza, é termos a certeza que este país tem muitas, mas muitas coisas boas, gente altamente competente escondida nos diversos recantos de nossas cidades e vilas, verdadeiros artistas que, em sua maior parte, vivem em um anonimato muitas vezes incentivado por aqueles que querem se beneficiar disso, e que conseguem, que nem passe de mágica, fazer esquecer tudo de ruim e de pernicioso que fizeram nos bastidores da maior competição esportiva do planeta.

Quantos atletas brasileiros estão competindo com apoios reduzidos, inclusive que deveriam vir do próprio estado? Não há dinheiro? Será que não há dinheiro, mesmo, para apoiar os atletas olímpicos brasileiros????Contudo, mesmo sem apoios condignos, os atletas brasileiros choram por seu país quando vencem, quando são derrotados, quando a bandeira nacional sobe no mastro ou quando o hino soa, cerram os dentes, lutam, suam...

Essa é a minha gente e eu voto nela de olhos fechados.

Nos outros, não!!!!!!

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias