Menu
terça, 18 de fevereiro de 2020
Plano de ação

São Carlos está prestes a ganhar Plano Diretor de Turismo

07 Fev 2020 - 16h20Por Redação
O PDTur tem o objetivo de apontar os caminhos viáveis para o desenvolvimento turístico - Crédito: DivulgaçãoO PDTur tem o objetivo de apontar os caminhos viáveis para o desenvolvimento turístico - Crédito: Divulgação

O Projeto de Lei que institui o Plano Diretor de Turismo (PDTur) de São Carlos foi aprovado na Comissão de Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia da Câmara Municipal nesta sexta-feira, 7, e está na pauta da próxima sessão, que acontece na terça-feira, 11.

O secretário municipal de Trabalho, Emprego e Renda, Walcinyr Bragatto, esteve na Comissão a convite do presidente, o vereador Azuaite Martins de França, para prestar esclarecimentos e detalhar o projeto.

De acordo com Bragatto, o PDTur tem o objetivo de apontar os caminhos viáveis para o desenvolvimento turístico. “Há muita coisa por fazer e o Plano irá estabelecer os caminhos futuros para que não haja descontinuidade”, frisou.

O plano de ação apresentado no Plano Diretor do Turismo visa estabelecer planejamento, diretrizes, estratégias e objetivos para os próximos cinco anos. “O turismo é fundamental para tornar a cidade atrativa, mas as pessoas precisam estar contempladas e conhecer as ações que iremos implementar”, explicou.

São Carlos, com 250 mil habitantes, tem Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 0,805 e está entre as 18 melhores cidades do Estado de São Paulo neste quesito. Atualmente, o município possui 3.024 leitos entre os 27 meios de hospedagem disponível.

Além dos recursos naturais, São Carlos se caracteriza pelo víeis educacional e tecnológico, tanto que possui o título de Capital Nacional de Tecnologia. Atualmente, existem no município 2 mil professores doutores e mais de 200 empresas de alta tecnologia.

O vereador Azuaite disse que é fundamental “valorizar a história de São Carlos” e promover “integração entre equipamentos públicos” para estimular as visitas. Já o vereador Roselei Françoso, que também integra a Comissão de Educação, salientou a importância do PDTur “conversar” com o Plano Diretor geral do município, especialmente quanto ao respeito aos imóveis históricos e culturais.

O Projeto de Lei já havia sido aprovado pelas Comissões de Legislação, Justiça e Redação e Economia, Finanças e Orçamento.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias