domingo, 03 de março de 2024
Cidade

Unidade da Volkswagen em São Carlos atinge a marca de cinco milhões de motores produzidos

08 Jun 2010 - 15h31Por Redação São Carlos Agora

A fábrica de Motores da Volkswagen do Brasil em São Carlos (SP) acaba de alcançar o marco histórico de 5 milhões de motores produzidos desde o início da operação da unidade, em outubro de 1996. A unidade é a terceira maior fábrica de motores do Grupo Volkswagen, ficando atrás somente de Salzgitter (Volkswagen), na Alemanha, e Györ (Audi), na Hungria.

Quase 50% destes 5 milhões de motores foram produzidos nos últimos quatros anos. Em 1997, foram 262 mil e a previsão para 2010 é atingir 880 mil motores. Isso deve-se ao crescimento do mercado e à expansão gradual da unidade de São Carlos.

A produção atende ao mercado doméstico e também à exportação. Hoje, para o mercado brasileiro, 100% dos motores recebem a tecnologia bicombustível Total Flex, que também é destinada para equipar o SpaceFox, produzida na Argentina. Para o mercado externo são produzidos motores para veículos movidos a gasolina, que são exportados principalmente para Argentina e México.

Atualmente, a fábrica de São Carlos produz 3 mil motores diariamente, em 42 modelos diferentes, de 1.0 a 2.0 litros, os quais equipam a maioria dos carros comercializados pela empresa. São propulsores eficientes, econômicos, de alta qualidade e desempenho, produzidos em linhas de montagem com elevado nível de tecnologia, com especial destaque para as 44 estações automáticas e nove robôs.

Inovação em treinamento

Desde novembro de 2009, o Centro de Treinamento da fábrica de São Carlos possui um conceito inovador, com a adoção de um protótipo de motor que pode ser montado e desmontado para a finalidade educacional dos empregados. "É uma experiência real de uma linha de produção, que forma e aperfeiçoa nossos colaboradores com uma ferramenta atualizada tecnologicamente", informa Marcos Ruza, gerente-geral da unidade de São Carlos da Volkswagen do Brasil.

De acordo com o executivo, a bem-sucedida experiência transformou-se em um case de sucesso da empresa, e já é estudada para ser replicada em outras unidades da Volkswagen pelo mundo.

Refêrencia em gestão ambiental

A fábrica de São Carlos é referência mundial em gestão ambiental. Inaugurada em 1996, seu projeto foi pensado para causar o menor impacto possível na região. Com menos de um ano de operação, em 1997, a unidade tornou-se a primeira indústria automotiva do Brasil e a primeira do Grupo Volkswagen, fora da Europa, a conquistar o certificado ambiental ISO 14001, pelas boas práticas no sistema de gestão ambiental e prevenção da poluição.

Toda a água é utilizada de forma racional na unidade. Captada de um poço artesiano, circula por um sistema de circuito fechado para refrigerar as máquinas. Essa água não é eliminada, sendo reaproveitada nas instalações sanitárias. Além disso, todo o efluente segue para uma estação de tratamento antes de ser lançado no coletor público da cidade.

O ar é constantemente purificado graças a um eficiente sistema de exaustão. A névoa resultante do processo de usinagem que fica no ar, além de outras micropartículas, passa por um "lavador de gases", uma cortina de água que retém essas impurezas e devolve ar puro para a área industrial. A água com as partículas recebe tratamento posterior antes do descarte.

Na área verde, os resíduos orgânicos do restaurante da fábrica, somados ao capim e outras podas de plantas das áreas verdes, transformam-se em adubagem natural, sem o uso de químicos, na Central de Compostagem. Em uma área de 28 m2, estes resíduos são acomodados em leiras (canteiros de terra arada), onde permanecem entre 70 e 90 dias para a obtenção do adubo. São quatro ciclos ao longo do ano, eliminando 10 toneladas de resíduos orgânicos do ambiente, transformando-os em 2,5 toneladas de adubo por ano, que são utilizados nas áreas verdes da fábrica.

Há um controle severo na emissão de poluentes, com o uso de recursos de monitoramento constante. Com índices inferiores aos exigidos pela legislação aplicável, a unidade de São Carlos atinge constantemente as metas internas. Preocupada com a preservação do meio ambiente, a Volkswagen do Brasil conserva uma reserva natural com área de 14 hectares em São Carlos, onde já foram plantadas mais de 25 mil mudas de árvores nativas, desde 2007.

A unidade da Volkswagen em São Carlos emprega 772 empregados, além de 363 prestadores de serviço, sendo a maior pagadora de salários da cidade. Como parte do compromisso social, mantém parcerias com as universidades da região e com o SENAI, onde há a doação de motores para utilização na formação de técnicos.

Leia Também

Últimas Notícias