domingo, 19 de maio de 2024
Cidade

UFSCar firma convênio com Universidade de Saitama, no Japão

Nova parceria reforça as diretrizes de internacionalização da Universidade, além de ampliar a troca de conhecimentos

28 Ago 2015 - 19h08Por Redação
Representantes da UFSCar e da Universidade de Saitama reunidos para discutir convênio. Foto: Divulgação - Representantes da UFSCar e da Universidade de Saitama reunidos para discutir convênio. Foto: Divulgação -

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) firmou um acordo de intercâmbio com a Universidade de Saitama, no Japão, destinado a professores, pesquisadores e alunos de graduação e pós-graduação de todos os cursos dos quatro campi da UFSCar, sem restrição de área de atuação.

"Todos os estudantes e professores interessados em participar de intercâmbio com o Japão terão a oportunidade formalizada. Isso é um diferencial desse novo convênio", destacam os professores Douglas Campos, do Departamento de Metodologia de Ensino, e Maria Aparecida Mello, do Departamento de Teorias e Práticas Pedagógicas, que estiveram à frente das negociações por parte da UFSCar. Para eles, os participantes do intercâmbio poderão trocar conhecimentos, além de criar e desenvolver pesquisas nas diferentes áreas do conhecimento.

A nova parceria também reforça as diretrizes de internacionalização da Universidade. "Esse convênio proporcionará à UFSCar a ampliação do seu objetivo de internacionalização para além da América Latina, América do Norte e Europa, incluindo agora a cultura asiática. Eles tem muito a nos ensinar sobre os valores a serem desenvolvidos na perspectiva da construção de uma sociedade mais preocupada com o coletivo do que com o individualismo, muito presente nos dias atuais", destacam.

NEGOCIAÇÕES

A parceria entre as duas universidades nasceu a partir de uma visita à UFSCar, em janeiro de 2014, de Hitoshi Tomita, gerente de relações públicas da Universidade de Saitama, por indicação de amigos dos professores Campos e Mello. "De maneira informal conversamos longamente sobre a possibilidade de internacionalização, especificamente, para acordos em projetos de pesquisa. Hitoshi disse que a Universidade de Saitama estava totalmente interessada em criar vínculos com universidades no Brasil", contam os docentes da UFSCar. Como o interesse era recíproco, Campos e Mello começaram a planejar o acordo por meio de vários emails com a Universidade de Saitama.

A UFSCar recebeu uma nova visita - desta vez, formal - por um representante da Universidade de Saitama, Toshizumi Fukui. Durante a reunião, a diretora de divisão de convênios da Secretaria Geral de Relações Internacionais (SRInter), Maria Estela Antonioli Pisani Canevarolo, informou os passos seguintes para a formatação do acordo. Durante a visita, Fukui também foi apresentado ao vice-reitor da UFSCar, Adilson Jesus Aparecido de Oliveira, em breve reunião, e, na sequência, conheceu a estrutura do Campus São Carlos da UFSCar.

Em novembro de 2014, os professores Campos e Mello foram ao Japão para retribuir a visita e, também, formalizar o acordo de maneira simbólica entre as duas universidades. "Fomos recebidos pelo reitor da Universidade de Saitama Hiroki Yamaguchi e sua equipe, em reunião formal, nos moldes da tradição japonesa. No final, conforme o costume e ritual japonês, houve troca de presentes entre os membros das universidades", contam.

O documento formal do convênio foi assinado pelos reitores Targino de Araújo Filho, da UFSCar, e Yamaguchi, da Universidade de Saitama.

Leia Também

Últimas Notícias