sexta, 01 de março de 2024
Cidade

Trabalhadores da Volkswagen debatem PLR e Banco de Horas

15 Jun 2010 - 08h59Por Redação São Carlos Agora

A Comissão de Fábrica da Volkswagen promoveu no último domingo, 13, uma plenária com os trabalhadores para discutir os encaminhamentos do início das negociações da segunda parcela de Participação nos Lucros e Resultados (PLR) e também sobre o Banco de Horas (BH).

De acordo com o coordenador da Comissão de Fábrica, Claudinei Feitosa, um dos objetivos da plenária foi debater, juntamente com os trabalhadores, um modelo de acordo de PLR que garanta avanços aos trabalhadores, com metas realistas. “Durante as negociações vamos informando e discutindo com os companheiros e assim que uma proposta estiver formalizada, serão os trabalhadores que avaliarão se aceitam ou não.”, ressalta o coordenador.

Para Erick Silva, diretor do Sindicato dos Metalúrgicos e também da Federação dos Metalúrgicos da CUT (FEM-CUT), quanto antes começarem os debates sobre este tema, melhor, pois assim há tempo suficiente para os trabalhadores construírem uma boa proposta. “O que foi unânime na plenária é que os trabalhadores querem um valor igual ao da fábrica da Anchieta, em São Paulo e essa é uma reivindicação antiga. O que temos a fazer é nos mobilizar e lutar para garantirmos mais essa conquista”, afirma ele.

A primeira parcela da PLR, paga em maio deste ano, foi de R$ 3.800,00 e teve um aumento de cerca de 26% em relação à 1ª parcela de 2009, quando o valor foi de R$3.000,00. O valor garantiu a injeção de mais de R$3 milhões na economia da cidade.

Leia Também

Últimas Notícias