Menu
quarta, 21 de abril de 2021
Cidade

Sincomercio São Carlos disponibiliza versão online da Cartilha de Aprendizagem

24 Out 2017 - 01h55
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

O Sindicato do Comércio Varejista de São Carlos (Sincomercio), por meio de seu site www.sincomerciosaocarlos.com.br e a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) estão disponibilizando a versão online da Cartilha de Aprendizagem. O link para acesso é o:

http://www.fecomercio.com.br/upload/file/2017/09/15/cartilha_aprendiz_14_09.pdf

As entidades acreditam que os programas de aprendizagem são instrumentos valiosos para inserção de jovens no mercado de trabalho, valorização da cidadania e estímulo ao empreendedorismo. "A Cartilha Sobre Aprendizagem tem a finalidade de mostrar ao empresário a importância de se contratar um jovem aprendiz, além de contribuir para os crescimentos social e profissional de um indivíduo", explicou o presidente do Sincomercio São Carlos, Paulo Roberto Gullo.

Toda empresa que participa do programa, além de cumprir o seu papel de contratante do aprendiz conforme a Lei nº 10.097/00, é convidada a compartilhar experiências com as entidades parceiras de formação técnico-profissional, tais como o Senac, e a fazer parte do processo de transformação desse jovem, dando oportunidades de trabalho e ajudando a construir vidas pessoal e profissional mais dignas.

Seguindo o compromisso de desenvolver pessoas e organizações para a sociedade do conhecimento por meio da educação e com foco na responsabilidade social, o Senac desenvolveu o Programa de Aprendizagem, que possibilita ao jovem ingressar no mundo do trabalho e conquistar seu espaço como profissional de talento

Para o Sincomercio e para a FecomercioSP, os programas de aprendizagem são instrumentos valiosos para inserção de jovens no mercado de trabalho e, em alguns casos, também para o resgate da cidadania, sendo possível aliar a esses dois objetivos o estímulo ao empreendedorismo. As vantagens nas empresas contratantes vão além da aplicação da lei e do cumprimento das cotas de aprendizes, pois elas são instrumentos de inclusão social dos adolescentes.

A Cartilha Sobre Aprendizagem foi elaborada com base na cartilha do Ministério do Trabalho e Emprego com o objetivo de divulgar e incentivar a contratação do jovem aprendiz e adolescente por parte das empresas do comércio e serviços. "O projeto apresentar as leis e trará ao leitor uma visão da importância de se contratar um jovem aprendiz, retirando-os das ruas e ensinando uma profissão, além do prazer pessoal de saber que contribuímos para os crescimentos social e profissional de um indivíduo que, sem orientação específica, estaria à margem da sociedade", conclui Gullo.

http://www.fecomercio.com.br/upload/file/2017/09/15/cartilha_aprendiz_14_09.pdf.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias