Menu
segunda, 19 de abril de 2021
Cidade

Sem repasses municipais, creches filantrópicas podem parar de atender na sexta-feira (29)

27 Set 2017 - 13h19
Foto: Marcos Escrivani - Foto: Marcos Escrivani -

A polêmica causada pelo não repasse de recursos municipais às creches filantrópicas pode ter mais um capítulo nesta sexta-feira, 29. E com um final nada feliz.

As entidades assistenciais Nosso Lar, Anita Costa, Estrela da Manhã, Associação Espírita Francisco Thiesen, Padre Teixeira, Casa do Caminho, Divina Providência e creche Aracy Pereira Lopes podem parar de atender crianças.

As oito creches ainda não tiveram confirmadas oficialmente a conclusão de uma parceria e a grave crise financeira que passam, ocasionou tal postura.

"Não temos mais condições de arcar com as despesas do dia a dia e com a folha de pagamento", disse Ana Karina Lourenço Maragno, coordenadora da creche Aracy Pereira Lopes, localizada na Vila Prado.

Segundo ela, as creches estão em compasso de espera, mas a demora tem agravado seriamente os trabalhos diários. "Temos obrigações trabalhistas, na compra de alimentos. Não paramos de atender as crianças", garantiu.

PREFEITURA

O diretor de Convênios da Administração Municipal, Bill Moreira, através da assessoria de imprensa, disse o próximo passo agora é publicar na próxima edição do Diário Oficial a aprovação do convênio ocorrido durante sessão ordinária ocorrida na Câmara Municipal, para depois fazer o pagamento.

Segundo ele, a demora foi devido às novas adequações exigidas pelo Marco Regulatório. A próxima edição do Diário Oficial será sábado, 30, quando deve ocorrer, oficialmente, a formalização dos convênios.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias