Menu
quarta, 22 de setembro de 2021
Cidade

Projeto de extensão da UFSCar promove arborização em praça de São Carlos

21 Nov 2017 - 10h38Por Redação
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

Uma parceria entre a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e o Rotary Club de São Carlos - Pinhal vai realizar a arborização da Praça João Paulo II, que fica em frente à pista de skate do bairro Santa Felícia, em São Carlos. O projeto de extensão "Arborização de áreas verdes públicas" é coordenado na UFSCar pela professora Andréa Lúcia Teixeira de Souza, do Departamento de Ciências Ambientais (DCAm), e vai plantar cem mudas de árvores, cada uma delas dedicada a uma mulher.

O plantio acontece no dia 28 de novembro em ação aberta a toda a comunidade, das 18 às 21 horas. As mulheres homenageadas, indicadas pelos doadores que apoiaram o projeto, também estão convidadas para o evento que terá food trucks e outras atrações para o público.

De acordo com a professora da UFSCar, o objetivo é revitalizar a Praça que, atualmente, é muito pouco frequentada e apresenta más condições de conservação. A indicação do local foi feita pela própria Prefeitura de São Carlos. Serão plantadas árvores nativas e frutíferas para melhorar a estética do local e oferecer mais conforto às pessoas. "A Praça tem um parquinho para as crianças que está praticamente abandonado e em um local muito exposto ao sol, sem nenhuma sombra", descreve Souza. A intenção é também despertar na sociedade a consciência sobre a importância do cuidado e preservação dos espaços públicos e do plantio de árvores na cidade. Além disso, cada árvore eternizará uma pessoa.

O orçamento do projeto foi de R$ 10 mil, incluindo a aquisição das mudas, o plantio e também o necessário para a manutenção posterior do local. O valor foi arrecadado por meio de doações. As mudas que serão plantadas no projeto já estão sendo cultivadas no viveiro do DCAm da UFSCar. São pés de jabuticaba, pitanga e goiaba, além de ipês, manacás e a araucária, árvore símbolo de São Carlos.

A manutenção da Praça e das novas árvores será feita pelo Rotary Club durante quatro anos e, dentro desse período, o projeto da UFSCar vai atuar por dois anos. Segundo a docente da Universidade, a manutenção contemplará o controle de formigas cortadeiras, substituição de mudas que sejam quebradas ou que estejam mortas, controle de gramíneas junto ao tronco das árvores para evitar que roçadeiras danifiquem o caule, além da adubação periódica para manter o ritmo de crescimento. "Acreditamos que dentro dos próximos cinco anos o aspecto geral e as condições da Praça já tenham melhorado substancialmente", afirma Souza. Após o período assumido pelo projeto, a manutenção da Praça João Paulo II será realizada pela Prefeitura Municipal.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias