Menu
terça, 15 de junho de 2021
Cidade

Prefeitura vai exonerar 80 cargos de confiança

Diversas medidas devem ser tomadas para que município economize R$ 1 milhão por mês

24 Jul 2015 - 08h16
Prefeitura Municipal de São Carlos. (Foto Divulgação) - Prefeitura Municipal de São Carlos. (Foto Divulgação) -

No vermelho. A situação atual da Prefeitura Municipal de São Carlos é de uma grave crise financeira. Com um déficit atual de R$ 40 milhões, o município deverá tomar medidas drásticas a partir desta sexta-feira, 24, para tentar economizar pelo menos R$ 1 milhão por mês.

Dentre as medidas anunciadas pelo prefeito Paulo Altomani na tarde desta quinta-feira, 23, está a exoneração de 80 cargos de confiança. Os nomes dos demitidos serão divulgados do Diário Oficial do município.

Outras medidas de ajuste serão tomadas, como o corte de horas extras, o não pagamento da primeira parcela do 13º salário que anualmente acontece em julho, além da redução da jornada de trabalho dos servidores municipais de 8h para 6h diárias. Várias secretarias passam a funcionar das 12h às 18h. Alguns serviços essenciais podem ser suspensos.

A crise financeira que atingiu São Carlos começou, segundo Altomani devido às dividas de gestões anteriores (Newton Lima Neto e Oswaldo Barba). Mensalmente, a Prefeitura Municipal deixou de receber aproximadamente R$ 5,6 milhões do governo federal. Este mês São Carlos deixou de receber o equivalente a R$ 4,3 milhões.

De acordo a Prefeitura Municipal, serviços prestados pelas secretarias municipais de Saúde e Educação não sofreram nenhum tipo de cortes devido a crise financeira.

 

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias