Menu
quarta, 08 de abril de 2020
Cidade

Prefeitura inaugura a maior escola da Rede Municipal de Ensino: EMEB Ulysses Ferreira Picolo

17 Fev 2020 - 20h34
Prefeitura inaugura a maior escola da Rede Municipal de Ensino: EMEB Ulysses Ferreira Picolo - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

A Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Ulysses Ferreira Picolo, construída no Residencial Eduardo Abdelnur, uma parceria do município com a Caixa Econômica Federal, por meio do projeto “Espaço Educativo Urbano”, um investimento de R$ 5 milhões com recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), uma das maiores obras da atual administração, foi inaugurada oficialmente no último sábado (15/02) pelo prefeito Airton Garcia e pelo secretário de Educação, Nino Mengatti.

Com 12 salas de aulas, quadra poliesportiva coberta, laboratórios de informática e ciências, refeitório, a unidade escolar está atendendo, inicialmente 436 alunos, do 1º ao 5º ano do ensino fundamental, em dois turnos. Outros 70 alunos da fase 6 da educação infantil também estão sendo atendidos no prédio. A capacidade total da escola é de 780 alunos em todos os períodos.

“Nós assumimos com 14.740 crianças na rede municipal, e vamos terminar 2020 (já considerando as conveniadas) com 21.100 crianças. Demos um salto de 6.000 alunos em todas as modalidades em apenas três anos. Isso é prova de que a educação é uma das grandes prioridades do governo Airton Garcia. É um prefeito comprometido com a história, com o momento e com a virada da educação”, disse Nino Mengatti, secretário de Educação lembrando que futuramente a escola também vai abrir duas turmas no período noturno da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Para o diretor da nova EMEB, professor Felipe Rocha, a intenção é trazer a comunidade para a escola. “Somando infantil e fundamental 530 crianças começam nessa escola em 2020. A maioria é do próprio bairro, Abdelnur, mas há uma parcela significativa do Zavaglia também que são atendidas com transporte disponibilizado pela Prefeitura. A escola está muito bem equipada com 23 salas no total, quadra, auditório, laboratório de ciências, sala de informática, sala de recursos e biblioteca. A rotina da escola é a seguinte: as crianças chegam às 7h15, tomam um café da manhã, depois das 9h às 11h é servido almoço. No período da tarde a chegada é às 12h45 e já é servido o almoço. Por volta das 15h elas ainda recebem um lanche com café, leite, suco e fruta. Essa escola vai ser uma das melhores de São Carlos e do Brasil”, afirma o diretor. “Na próxima semana já estaremos discutindo com a comunidade formas de inclusão nesse espaço de esporte coletivo e individual, de artes e cultura também. O lugar permite e, mais do que isso, precisa que essa demanda extraclasse seja atendida. Um equipamento gigantesco como este permite várias oportunidades de ações. São Carlos está de parabéns, o prefeito Airton Garcia também e, principalmente, todos os moradores do bairro e das proximidades com a construção dessa escola”, afirma Edson Ferraz, secretário de Esportes e Cultura.

Para Débora Costa Blanco, dirigente regional de Ensino, com a inauguração da nova escola toda a região sul da cidade está muito bem atendida. “Uma escola muito bem montada, tanto na parte de arquitetura, mobiliário adequado, quadra coberta. Aqui um dos principais direitos das pessoas, que é educação, foi atendido pelo governo do Airton Garcia”.

A família de “Ulysses Picolo” fez questão de participar. A viúva do educador recebeu a homenagem juntamente com os filhos, filhas, noras, genros e netos. “É uma alegria muito grande para nós, da família, poder verificar aqui toda essa estrutura que o poder público entrega para essa comunidade. E a emoção fica ainda maior porque ela recebe o nome do meu pai, uma pessoa que dedicou toda a sua vida para a educação. Foi professor, diretor de ensino, secretário de Educação e teve, ainda, junto com o professor Azuaite Martins de França, uma passagem marcante pelo CPP. A família, claro, agradece muito a Prefeitura e a todas as pessoas envolvidas por entregarem essa maravilha para a comunidade”, disse o filho do homenageado, Fábio Picolo.

“Uma escola como essa, com uma estrutura como essa, é maravilhoso para o bairro que é distante do centro e maravilhoso para essa nova geração que precisa ser formada. Ter uma estrutura como essa já é um avanço muito grande na missão que a escola tem que conduzir. Estou impressionada e já coloquei a UFSCar à disposição e que a gente possa ter essa escola como modelo. Aqui, realmente a gente identifica que a educação está sendo valorizada”, avaliou a reitora da Universidade Federal de São Carlos, Profª Drª Wanda Hoffmann.

“Investimos quase 30% do orçamento na área da educação, percentual maior do que a lei estabelece, que é de 25%, sem contabilizar gastos com a merenda e uniformes. Trabalhamos para que cada vez mais crianças possam frequentar a escola no seu próprio bairro. Eu tenho 70 anos e nunca estudei em uma escola tão bonita quanto essa. Toda a criança que estudar aqui vai poder ‘falar grosso’: olha, eu estudo na Escola mais bonita de São Carlos. Nem filho de rico, que estuda no centro da cidade, tem uma escola igual a essa. Quero dizer, também, que o nome da escola é tão grande e tão bonito quanto à própria escola”, finalizou o prefeito Airton Garcia.

Esse é o segundo equipamento público do bairro Eduardo Abdelnur. Em outubro do ano passado a Prefeitura entregou o Centro Municipal de Educação Infantil (CEMEI) Carminda Nogueira de Castro Ferreira, uma parceria com Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) no valor de R$ 1.607.742,92, que hoje atende 284 alunos de 0 a 3 anos.

Também participaram da solenidade de inauguração demais secretários municipais, diretores, os vereadores Moisés Lazarine, Roselei Françoso, Daniel Lima e Azuaite Martins de França, além de supervisores e coordenadores da Rede Municipal de Ensino, pais e alunos da escola.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias