sexta, 23 de fevereiro de 2024
Cidade

Polícia Rodoviária participa de campanha do dia mundial de combate ao câncer

04 Fev 2017 - 12h10

Uma parceria entre a Polícia Militar, Policiamento Rodoviário e Hospital do Câncer de Barretos, está sendo realizada uma campanha de prevenção ao câncer.

ORIENTAÇÕES E ESCLARECIMENTOS SOBRE CÂNCER DE PELE

1. O QUE É CÂNCER DE PELE?
O câncer de pele é a proliferação incontrolável de células cutâneas anormais. O câncer de pele é, de longe, o mais comum na população. Conforme o tipo de célula afetada, o câncer de pele divide-se em melanomas e não melanomas. Estima-se, atualmente, entre 2 e 3 milhões de cânceres de pele não melanomas e 132 mil melanomas ao ano. O melanoma cutâneo é originado nos melanócitos, células produtoras de melanina, que é a substância que confere pigmentação à pele. É a forma mais séria. No entanto, se detectado nos estágios iniciais, o prognóstico é bom. Os tumores cutâneos não melanomas representam aproximadamente 96% dos casos de câncer de pele. Os tipos mais comuns são o carcinoma basocelular e o carcinoma espinocelular.
FIQUE ATENTA SE VOCÊ:
- Tem feridas que não cicatrizam;- Tem manchas com bordas irregulares;- Apresenta coloração variada (preta, marrom, rosa, bronze e etc.) na mesma mancha;- Tem manchas com diâmetro maior que 6 mm; e- Tem manchas assimétricas, ou seja, se dividirmos a mancha ao meio, uma metade será diferente da outra.
2. QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS SINTOMAS DA DOENÇA?
Qualquer lesão da pele com aspecto de nódulo, tumor ou mancha, podendo haver sangramento ou não.
3. COMO DIMINUIR O RISCO?
Como a maioria dos cânceres de pele, é causada pela radiação solar, é preciso estar atento às medidas de prevenção como:
- Evitar o sol no horário entre as 10h e as 16h;- Evitar o sol em excesso;- Evitar câmaras de bronzeamento artificial;- Usar protetor solar com Fatos de Proteção Solar (FPS) no mínimo 15;- Aplicar protetor solar cerca de 30 minutos antes de se expor ao sol;- Reaplicá-lo sempre, até os com indicação "à prova d'água", a cada 2-3 horas; e- Além do protetor solar, usar bonés, chapéus, roupas compridas e óculos escuros e ficar sempre em lugares com sombras. 4. PODE-SE DESCOBRIR NO INÍCIO?
Sim, a maioria deles é descoberta no início.
6. COMO É REALIZAD O TRATAMENTO?
O Tratamento varia de acordo com o tipo de câncer de pele diagnosticado. O tamanho, a profundidade e a localização do câncer também são fatores importantes na hora de escolher o melhor tratamento. A remoção cirúrgica é a mais comum, mas existem outros tipos de tratamento, como, por exemplo, a radioterapia, a quimioterapia e cremes contendo medicamentos específicos para carcinomas superficiais.
7. ONDE FAZEMOS OS EXAMES PREVENTIVOS?
Os exames preventivos devem ser feitos nas Unidades Básicas de Saúde ou nas Equipes de Saúde da Família. Se possível, uma vez ao ano ou conforme orientação médica.

ORIENTAÇÕES E ESCLARECIMENTOS SOBRE CÂNCER DE MAMA
1. O QUE É CÂNCER DO MAMA?É o resultado do desenvolvimento anormal das células da mama, que se multiplicam, de maneira descontrolada, até formarem um tumor maligno. É o tipo de câncer mais frequente na mulher brasileira. Se diagnosticado e tratado oportunamente, as chances de cura chegam a 95%. No Brasil, as taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas porque a doença ainda é diagnosticada em estádios avançados.
FIQUE ATENTA SE VOCÊ:- Tem histórico familiar - mulheres com parentes de primeiro grau (mãe e irmã) que tiveram câncer de mama antes dos 50 anos de idade ou câncer de ovário e câncer de mama bilateral em qualquer idade;- Teve menarca precoce - primeira menstruação antes do 12 anos de idade;- Teve menopausa tardia - fim da menstruação após os 55 anos de idade;- Nunca teve filhos - nuliparidade;- Teve a primeira gravidez após os 30 anos de idade; e- Ingere bebida alcoólica e tem o hábito de fumar.
2. QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS SINTOMAS?Os sintomas mais comuns são:- nódulo (indolor, duro e irregular); e- secreção do mamilo (transparente, rosada ou sanguinolenta).
3. QUAIS OS FATORES PROTETORES?- Evitar a obesidade, por meio de uma dieta equilibrada e prática regular de exercícios físicos; e- Aleitamento materno exclusivo até os 6 meses. 4. PODE-SE DESCOBRIRO CÂNCER DE MAMA NO INÍCIO?Sim, por meio da mamografia, que deverá ser realizada periodicamente, mesmo quando não há queixas mamárias. O exame de Mamografia é o único método eficaz e capaz de reduzir a mortalidade.
5. QUEM DEVE REALIZAR A MAMOGRAFIA?Todas as mulheres entre 40 e 69 anos devem fazer a Mamografia, sendo anual para as mulheres entre 40 e 49 anos e bienal para aquelas entre 50 e 69 anos.
6. COMO É REALIZADA A MAMOGRAFIA?A Mamografia é uma radiografia das mamas, realizada em um equipamento chamado mamógrafo. Nele, a mama é posicionada de maneira delicada e gradualmente comprimida, permanecendo imóvel por alguns segundos, como em uma fotografia, possibilitando uma imagem adequada para avaliação diagnóstica. O desconforto do exame é discreto e suportável.
7.ONDE REALIZAR EXAMES PREVENTIVOS DA MAMA?Para realização dos exames, você deverá comparecer ao Posto de Saúde mais próximo de sua residência ou então dirigir-se ao Instituto de Prevenção Ivete Sangalo, localizado no Hospital de Câncer de Barretos. Você também pode realizar A Mamografia nas Unidades Móveis de Prevenção do Hospital de Câncer de Barretos, caso estejam visitando a sua cidade.No Hospital de Câncer de Barretos, os exames são GRATUITOS e podem ser realizados de segunda à sexta feira, das 7h às 17h, sem a necessidade de agendamento. Às quartas-feiras, realizamos atendimento noturno que deve ser agendado pelo telefone (17) 3321-6626.Os documentos necessários para o atendimento são:- RG;- CPF;- Cartão SUS; e- Comprovante de endereço.

ORIENTAÇÕES E ESCLARECIMENTOS SOBRE CÂNCER NO COLO DO ÚTERO
1. O QUE É CÂNCER DO COLO DO ÚTERO?As células que compõem o colo uterino sofrem alterações que, a longo prazo, podem produzir o câncer do colo do útero. O principal fator agressor relacionado a essas alterações é a infecção local pelo vírus HPV (Papilomavírus Humano). A transmissão do HPV se dá principalmente por via sexual, sendo considerada a doença sexualmente transmissível (DST) mais comum nos dias atuais. De forma geral, são necessários vários anos entre a infecção inicial pelo HPV e o desenvolvimento do câncer, sendo que apenas uma pequena parcela das mulheres portadoras do vírus irá desenvolver o câncer do colo do útero.
2. QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS SINTOMAS?Na sua fase inicial, o câncer do colo do útero geralmente não apresenta nenhum sintoma. À medida que a doença progride, podem surgir sangramento vaginal anormal (principalmente em mulheres na menopausa), corrimento vaginal escurecido com cheiro desagradável e dor abdominal que pode estar associada a queixas urinárias e intestinais nos casos mais avançados.
3. COMO DIMINUIR O RISCO?As principais medidas protetoras que poderão interferir na infecção pelo HPV e, consequentemente, no surgimento do câncer são:- restringir o número de parceiros sexuais;- usar preservativo durante as relações sexuais;- a vacinação contra HPV indicada para mulheres entre 9 e 26 anos que ainda não iniciaram a vida sexual;- evitar o tabagismo; e- ter hábitos adequados de higiene íntima.
4. PODE-SE DESCOBRIR NO INÍCIO?Somente o exame preventivo (Papanicolau) poderá detectar a presença das chamadas lesões precursoras, uma vez que a mulher, nesta fase não apresenta sintomas. O diagnóstico dessas alterações é extremamente importante, pois permitirá o tratamento precoce, impedindo o desenvolvimento do câncer propriamente dito em quase 100% dos casos. Para o diagnóstico definitivo, a mulher deverá ser encaminhada para realização de exame mais detalhado conhecido como Colposcopia, podendo ser necessária a realização de biopsia do colo uterino para confirmação dos casos alterados.
5. QUEM DEVE FAZER O EXAME DE PAPANICOLAU?Todas as mulheres que tem o já tiveram atividade sexual, principalmente aquelas com idade entre 25 e 64 anos, que devem fazer o exame preventivo periodicamente.
6.ONDE REALIZAR O EXAME DE PAPANICOLAU?Para realização dos exames, você deverá comparecer ao Posto de Saúde mais próximo de sua residência ou então dirigir-se ao Instituto de Prevenção Ivete Sangalo, localizado no Hospital de Câncer de Barretos. Você também pode realizar o exame de Papanicolau nas Unidades Móveis de Prevenção do Hospital de Câncer de Barretos, caso estejam visitando a sua cidade.No Hospital de Câncer de Barretos, os exames são GRATUITOS e podem ser realizados de segunda à sexta feira, das 7h às 17h, sem a necessidade de agendamento. Às quartas-feiras, realizamos atendimento noturno que deve ser agendado pelo telefone (17) 3321-6626.Os documentos necessários para o atendimento são:- RG;- CPF;- Cartão SUS; e- Comprovante de endereço.

Leia Também

Últimas Notícias