Menu
quinta, 21 de janeiro de 2021
Cidade

Manifesto “A Saúde Pede Socorro” tem baixa adesão

Organizador credita a boatos nas redes sociais afirmando sobre “possível cancelamento” afastaram as pessoas

08 Out 2017 - 11h38
Foto: Luciano Lopes - Foto: Luciano Lopes -

O manifesto "A Saúde Pede Socorro" teve baixa adesão em São Carlos. O movimento aconteceu na manhã deste sábado, 7, na praça em frente ao Mercado Municipal.

A previsão da organização era que pelo menos duas mil pessoas participassem. Entretanto, boatos nas redes sociais afirmando sobre um possível cancelamento e a possibilidade de chuva justamente no dia do manifesto afastaram as pessoas.

"Apesar de ter poucas pessoas, o movimento foi pacífico e atingiu os objetivos que foi dar o recado no sentido de conscientizar a população sobre os seus direitos e deveres", disse o vendedor Eder Alessandre de Souza, 38 anos, um dos manifestantes. "A Liga da Justiça nos apoiou", emendou.

Segundo ele, "A Saúde Pede Socorro" foi um recado para a atual administração municipal. "Se não haver solução nos próximos meses, voltaremos às ruas mais forte", garantiu Eder, não descartando a possibilidade de pedir o afastamento do prefeito Airton Garcia.

CAOS

De acordo com Eder, a saúde de São Carlos está um caos, com três UPAs fechadas, além da falta de médicos. "Este são os motivos deste manifesto. Nossas autoridades deixam a desejar e não proporcionar às pessoas, as condições dignas para sobreviver", finalizou.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias