domingo, 03 de março de 2024
Cidade

HU-UFSCar recebe representantes dos conselhos Regional e Federal de Enfermagem

06 Abr 2017 - 08h57
Conselheiras participaram de Encontro sobre formação e atuação dos enfermeiros. Foto: Matheus Mazini - Conselheiras participaram de Encontro sobre formação e atuação dos enfermeiros. Foto: Matheus Mazini -

O Hospital Universitário Prof. Dr. Horácio Carlos Panepucci da Universidade Federal de São Carlos (HU-UFSCar) recebeu terça-feira, 4, representantes do Conselho Regional de Enfermagem (Coren) e do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) a partir de convite feito pela Comissão de Ética de Enfermagem do Hospital.

As conselheiras Marcília Bonacordi Gonçalves, do Coren-SP, e Dorisdaia Carvalho de Humerez, do Cofen-DF, fizeram uma visita monitorada às instalações e às obras do HU-UFSCar, acompanhadas por Ângela Leal, superintendente do Hospital Universitário. Elas também ministraram palestras destinadas à equipe assistencial do Hospital. O tema "Resoluções e Pareceres em Enfermagem: contribuições aos profissionais de Enfermagem" foi apresentado por Marcília Gonçalves, enquanto Dorisdaia Humerez falou sobre o "Processo de Adoecer Mental e Assistência em Enfermagem".

Como parte do encontro, a Comissão de Ética em Enfermagem do HU-UFSCar organizou o "1º Encontro sobre a Formação e Atuação do Profissional de Enfermagem". O evento foi aberto ao público e realizado na UFSCar com a palestra "Os desafios da formação e atuação do profissional em Enfermagem na atualidade brasileira". A atividade foi conduzida pela representante do Cofen-DF.

O Encontro teve ainda a participação de docentes e alunos de cursos de graduação da área e profissionais de São Carlos e outras cidades da região, como Itirapina, Descalvado, Ibaté, Araraquara, Araras, São José do Rio Preto e Ribeirão Bonito. Para Dorisdaia Humerez, foi gratificante ter a presença de tantos interessados e envolvidos na questão da formação em Enfermagem. "Abordamos questões legais e mostramos dados dos cursos presenciais. São cerca de 180 mil vagas para cursos de Enfermagem presenciais no Brasil e quase 50% dessas vagas estão ociosas. Apresentamos também a ação do Cofen que originou o Projeto de Lei 2.891/2015 que proíbe cursos a distância para enfermeiros e técnicos de enfermagem, na tentativa de garantir à sociedade profissionais que tenham formação adequada para o atendimento à população", afirmou Humerez.

De acordo com Lilian Batista, enfermeira e presidente da Comissão de Ética do HU, essa parceria com os conselhos é muito importante para a valorização dos profissionais da área. Para os participantes, as trocas de experiências com as conselheiras foi, além de esclarecedora, muito motivadora.

Leia Também

Últimas Notícias