Menu
domingo, 20 de junho de 2021
Cidade

Grupo da Tapetes São Carlos apresenta projeto para abertura de loteamento

06 Jul 2015 - 20h09
0 - 0 -

O prefeito Paulo Altomani teve uma reunião na manhã desta segunda-feira (6), com os representantes da Tapetes São Carlos para conhecer o novo projeto do grupo. Na ocasião os empresários Renato Rösel, Eugênio Rösel, o engenheiro da Tapetes, Fabrício Ortiz Beselga, Ruy Matheus, Rodrigo Novaes, Matilde Rösel Novaes e o diretor da Pratec Consultoria Imobiliária, Marcelo Vinholes Ferreira, apresentaram o projeto inicial para a abertura de um loteamento fechado em uma área de aproximadamente 7.000 m² nos altos da Vila Nery. Altomani estava acompanhado pelo vice-prefeito e secretário de Agricultura e Abastecimento, Cláudio Di Salvo, da secretária de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Lauanna Campagnoli, do secretário de Obras Públicas e de Transporte e Trânsito, Márcio Marino, do secretário de Governo e Procurador Geral do Município, Waldomiro Bueno de Oliveira.

De acordo com o diretor da Pratec, Marcelo Vinholes Ferreira, empresa responsável por toda parte de desenvolvimento, aprovação e legalização do projeto, o condomínio terá lotes de 300 a 450 m². “A nossa ideia é reunir em um único lugar comércio, serviço, moradia e lazer. Por isso vamos ter dois módulos residenciais, porém teremos também áreas comerciais destinadas a instalação de escritórios, consultórios, padaria, supermercado, tudo que atenda o dia a dia do morador”.

Os lotes serão destinados para a classe média alta com toda infraestrutura de lazer e segurança (portaria com controle de acesso). “Como estamos dentro da malha urbana, as pessoas vão poder usar o transporte urbano coletivo sem problemas, portanto quem trabalhar nos residenciais ou na área comercial, não terá problema de deslocamento”, pontua Marcelo Vinholes Ferreira.

Para a abertura do loteamento também serão necessárias algumas alterações no sistema viário, como o prolongamento da avenida Pau Brasil até a rua Marino da Costa Terra e continuação de trecho da Marginal até a rotatória da Escola Educativa.

Segundo o prefeito Paulo Altomani, o empreendimento é importante para a cidade. “Dentro da legalidade vamos aprovar. É um projeto de alto nível como outros já implantados na cidade e que irá gerar muitos empregos, a princípio, na área da construção civil, depois na própria área comercial do condomínio”. 

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias