Menu
segunda, 18 de outubro de 2021
Nova polêmica

Farmácia de Alto Custo é acusada de fornecer remédio vencido

26 Jul 2018 - 16h28Por Redação
Farmácia de Alto Custo é acusada de fornecer remédio vencido - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

A Farmácia de Alto Custo de São Carlos é acusada de fornecer remédio vencido. O fato teria acontecido na tarde desta quarta-feira, 25. A denúncia partiu de Nayara que elaborou um e-mail e encaminhou à Secretaria Municipal de Saúde e para o gabinete da Prefeitura Municipal de São Carlos.

Nayara entrou em contato com o São Carlos Agora e afirmou que esteve na Farmácia das 11h30 às 13h30 para a retirada de um remédio para a sua filha que tem asma (Fumarato de Formoterol Di-Hidratado + Budesonida = Alenia).

Neste período, pegou o medicamento e como estava atrasada para retornar ao trabalho, saiu às pressas.

Entretanto, com calma, ao abrir a caixa do remédio e ter como costume ver a data de fabricação, ficou surpresa, ao constatar que o remédio estava vencido.

Segundo Nayara, o lote tem a numeração 1606426 e teria sido fabricado em junho de 2016. A validade seria até dezembro de 2017.

“Como pode estar vencido uma medicação que está sempre em falta?”, indagou, surpresa, ao SCA.

Revoltada, ela afirmou, que a população precisa de muito (mas muito) mais atenção. “Além de perder todo esse tempo esperando, trago para casa uma medicação vencida que tive que comprar por vários meses, pois estava em falta”, finalizou a reclamante.

Nota da Prefeitura Municipal

A Secretaria Municipal de Saúde informa que os medicamentos da Farmácia de Alto Custo são fornecidos pela Diretoria Regional de Saúde de Araraquara (DRS–III). A Prefeitura somente fornece a mão de obra e disponibiliza o local. Quanto à entrega de um medicamento vencido a um usuário do SUS nesta quarta-feira (25), a Secretaria de Saúde ressalta que o remédio foi imediatamente substituído e que vai levar a questão à DRS-III para que o lote seja rastreado, já que o medicamento estava em falta e somente chegou essa semana. Também adotará medidas para que a padronização do atendimento seja ainda mais rigorosa. A Farmácia de Alto Custo de São Carlos possui 11.700 pacientes cadastrados, sendo que 5.000 são ativos, ou seja, retiram medicamentos mensalmente.

 

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias