Menu
domingo, 23 de fevereiro de 2020
Abandonados há 15 anos

Em mutirão, moradores se unem e fazem o pavimento em rua no Aracy

13 Fev 2020 - 09h09Por Marcos Escrivani
Moradores durante o mutirão: "dignidade para entrar em casa", disse Edileuza - Crédito: DivulgaçãoMoradores durante o mutirão: "dignidade para entrar em casa", disse Edileuza - Crédito: Divulgação

“É muita humilhação, é muito desrespeito”. Assim definiu a dona de casa Edileuza da Conceição Feliz, 46 anos, que há 15 anos luta pelo asfaltamento de aproximadamente 500 metros da rua Guerino Fracasso, no Cidade Aracy 1

Sem uma resposta positiva da Prefeitura Municipal de São Carlos e de vereadores, os moradores, em sistema de mutirão e por conta própria, fazem o recapeamento. Com direito a terraplanagem e concreto usinado.


O São Carlos Agora entrou em contato com os residentes na manhã desta quinta-feira, 13 e ouviu a luta para que possam ter melhores condições de acesso as suas moradias.

“São cinco ou seis moradores que estão nesta luta”, disse Edileuza. “A gente junta um pouco de dinheiro, contrata a empresa e fazemos etapa por etapa”, disse, salientando que já foram pavimentados aproximadamente 30 metros e gastos R$ 500 em concreto usinado”.

O trabalho dos moradores teve início na segunda-feira, 10, quando um dos moradores conseguiu uma máquina para fazer a terraplanagem. “Antes, compramos terra para que os buracos fossem tapados”, explicou.

“Somos pobres, vamos juntando nosso dinheirinho e a meta é fazer por etapas. Não podemos depender daqueles que podem e devem ajudar e não fazem. Temos crianças e pessoas com necessidades especiais que moram nesta rua e dependem de um local bom para se locomover”, esbravejou. “Pagamos todos os impostos. O carnê do IPTU chegou e isso eles não esquecem. Queremos apenas ter dignidade ao entrar em nossas casas”, desabafou.

LUTA INGLÓRIA

Edileuza disse à reportagem que há 15 anos luta para ter asfalto na rua Guerino Fracasso. “Mas é uma luta inglória. Ninguém nos dá atenção. Nenhum prefeito, nenhum vereador”, garantiu.

Ela disse que por várias vezes foi a Prefeitura Municipal e na última oportunidade foi atendida por Antonio Carlos Catharino que a levou até a Ouvidoria. “E nem promessa eu tive. Disseram que a Prefeitura não tem dinheiro. E olha que foi feito até abaixo assinado”, comentou. “Nossa situação é constrangedora”.

Edileuza foi mais além. “Por WhatsApp procurei o Leandro (Guerreiro) e a conversa está gravada no meu aparelho. Por fim, ele disse que não tem mais o que fazer e se eu conseguisse algo, iria me dar os parabéns. Diante de tantas negativas, a única alternativa foi fazer isso. Juntar dinheiro, arregaçar as mangas e lutar por nossa dignidade. Quem poderia fazer isso por nós, não fazer”, finalizou.

Mande seu recado (sempre com uma foto) para o email faleconosco@saocarlosagora.com.br ou pelo WhatsApp 16 99963-6036.

NOTA DA PREFEITURA MUNICIPAL

A Prefeitura de São Carlos informa que já elaborou projeto para pavimentação e drenagem do local, porém aguarda licença ambiental da Cetesb, já que a área faz parte de um TAC.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias