segunda, 22 de abril de 2024
Cidade

CPI da Associação Corpo e Alma busca complementar informações

23 Fev 2015 - 20h12
Membros da CPI em reunião colhendo depoimentos nesta segunda-feira. (Assessoria de Imprensa CMSC) - Membros da CPI em reunião colhendo depoimentos nesta segunda-feira. (Assessoria de Imprensa CMSC) -

A Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga a prestação de contas do convênio entre Prefeitura Municipal e Associação Corpo e Alma no ano de 2013 segue realizando suas atividades. Além de oitivas programadas de segunda a quarta-feira desta semana, os membros da comissão solicitaram a disponibilização pela Prefeitura de documentos referentes a outros convênios estabelecidos pelo Executivo Municipal.

Na manhã desta segunda-feira, os vereadores membros da comissão estiveram reunidos para ouvir três depoimentos de pessoas que constavam como participantes de atividades promovidas pela entidade. Foram arguidas Lucimara Carolina Caetano Bertoncelo, Anna Maria dos Santos e Débora Fátima da Silva.

Já no período da tarde, os integrantes da comissão foram à Prefeitura Municipal para consultar documentos referentes a processos de convênios de outras entidades com a Administração Pública. Segundo a assessoria do vereador Aparecido Donizetti Penha (PPS), presidente da CPI, a intenção é obter um comparativo entre os métodos adotados pelos agentes municipais a fim de avaliar se ouve alguma disparidade no caso da Associação Corpo e Alma.

Na terça-feira, a partir das 9h, no plenário do Edifício Euclides da Cunha, ocorrerá a oitiva de representantes da Comissão Fiscalizadora de Auxílios e Subvenções da Prefeitura Municipal. Serão arguidos Waldemar A. de Senzi – presidente, e Raquel Amaral Romagna, membro da comissão. E na quarta-feira, no mesmo local, porém no horário das 14h30, será ouvido Wander Roberto Bonelli.

Além de Penha, a CPI da Associação Corpo e Alma é composta pelo relator Walcinyr Bragatto (PV) e os vereadores Cindinha do Oncológico (SD), Rodson Magno (PSDB) e Lineu Navarro (PT). Foi instaurada na Câmara em 22 de outubro pela portaria Nº 324/14 e tem como objetivo analisar e investigar a prestação de contas do convênio Nº 018/2013 celebrado entre a Prefeitura de São Carlos e a Associação Corpo e Alma.

Leia Também

Últimas Notícias