Menu
quinta, 25 de fevereiro de 2021
Cidade

Comitê de Combate à Dengue se reúne para discutir ações contra o mosquito

18 Jan 2017 - 08h15
0 - 0 -

São Carlos tem apenas um caso de dengue confirmado em 2017. O dado foi apresentado na primeira reunião do Comitê Municipal de Combate à Dengue, realizada na manhã desta terça-feira (17), no Paço Municipal.

O Comitê de Combate à Dengue tem como função desenvolver ações de educação em saúde e mobilização social para ocontrole do mosquito Aedes aegypti. Participam do grupo representantes de todas as secretarias e fundações da Prefeitura, Polícia Militar, Tiro de Guerra, Embrapa, universidades, Creci, entre outros. "A missão do Comitê é fazer chegar às informações sobre o mosquito e as doenças em todos os cantos da cidade. As articulações das ações são feitas pela Secretaria de Saúde visando prevenção da dengue, zika, chikungunya e febre amarela", afirmou o secretário de Saúde, Carlos Eduardo Colenci.

Durante a reunião, a Secretaria de Saúde apresentou a situação da dengue em São Carlos. Em 2016, foram registrados 563 casos de dengue. Nos primeiros quinze dias de 2017, um caso de dengue foi confirmado e 41 notificações foram registradas.

Também apresentou o Plano Municipal de Contingência para 2017. Entre as ações estão a divulgação de dados referentes aos casos de dengue, levantamento do LIRAa (Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti), e mobilização da população.

O Controle de Endemias apontou quais as ações já estão em andamento. "Temos um plano que prevê ações de rotinas nos bairros, bloqueios de criadouros com orientação de doentes, eliminação dos criadouros e orientação dos moradores com sintomas, visita aos sábados em casas fechadas, além do mutirão que deve acontecer principalmente nos bairros mais populosos e com mais acúmulo de material inservível", contou Denise Scatolini, instrutora da equipe de Combate a Endemias. 

O médico e professor do Departamento de Medicina da UFSCar, Bernardino Geraldo Alves Souto, que também integra o Comitê, destacou que a dengue é um problema socioambiental e a participação social é fundamental. "É necessário mobilizar 100% das pessoas, caso contrário não vamos conseguir vencer o mosquito. É preciso desenvolver ao mesmo tempo ações individuais e ações coletivas".

Bernardino também propôs a criação de um Campeonato para o Combate à Dengue. "Nesse campeonato, cada bairro seria um time. Os moradores do bairro seriam integrantes desse time. Nós faríamos uma competição entre os bairros para saber qual consegue eliminar o maior número de criadouros de mosquito. O bairro campeão ganharia alguns prêmios. Através do campeonato, nós teríamos uma maior chance de mobilizar as pessoas e combater o mosquito".

Para encerrar a primeira reunião, a Secretaria de Comunicação apresentou a nova Campanha de Combate à Dengue, que será lançada na próxima semana.

Outras propostas foram apresentadas e serão discutidas nos próximos encontros.

(Assessoria imprensa Prefeitura Municipal)

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias