Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Para a região de São Carlos

Bolsa Empreendedor abre inscrições com mais de 1,8 mil vagas

Essa é mais uma parceria da Secretaria de Trabalho de São Carlos com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado

14 Set 2021 - 12h50Por Redação
Antonio Ribeiro e Nino Mengatti durante o anúncio da nova parceria - Crédito: DivulgaçãoAntonio Ribeiro e Nino Mengatti durante o anúncio da nova parceria - Crédito: Divulgação

O Governo do Estado de São Paulo divulgou nesta sexta-feira, 10, o Programa Bolsa Empreendedor.

A ideia é que sejam pagas 100 mil bolsas para o Estado de São Paulo no projeto no valor de R$ 1.000,00, com prioridade para mulheres, jovens entre 18 e 35 anos, pretos e pardos, indígenas e pessoas com deficiência que também vão receber qualificação e migrar para o mercado formal.

Para a Região Central do Estado está previsto 1809 vagas.

Essa é mais uma parceria da Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda junto à Prefeitura Municipal de São Carlos, com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo e tem como objetivo impulsionar novos empreendimentos, incentivar pequenos negócios e tirar autônomos da informalidade. O Estado estima que o Bolsa Empreendedor deve beneficiar, direta e indiretamente, cerca de 400 mil pessoas.

Para o Secretário da pasta Nino Mengatti, é importante que as parcerias sejam realizadas nos diversos âmbitos para atender as diferentes necessidades da população. “Já firmamos parcerias para vários cursos de qualificação profissional; na área de zeladoria pública e agora para as pessoas que desejam trabalhar na área de empreendedorismo. Isso é uma forma de atender à população de São Carlos como um todo, ainda mais quando se trata de Programas que contam com bolsas e formação unificadas”, disse.

Segundo o Diretor de Políticas de Trabalho e Emprego para Juventude, Antonio Ribeiro, o programa vem para trazer recursos e conhecimentos para que trabalhadores desempregados desenvolvam pequenos negócios próprios e aqueles que já fazem algum tipo de empreendimento informal, se regularizem formalizando seu negócio através do MEI ou Micro Empresa. 

Cada bolsa será de R$ 1.000,00 paga em duas parcelas de R$ 500,00. As bolsas serão distribuídas entre as regiões administrativas do Estado de forma proporcional à população vulnerável inscrita no CadÚnico até janeiro de 2021. Haverá ordem de prioridade de acordo com a quantidade de vagas disponíveis em cada região.

O candidato sendo selecionado para o Programa deverá participar de um curso gratuito de empreendedorismo do programa Empreenda Rápido, com frequência mínima de 80%. Todos também deverão até o final do programa, obter formalização como MEI (Microempreendedor Individual) ou outra natureza jurídica.

O Bolsa Empreendedor vai receber inscrições de moradores dos 645 municípios paulistas, desempregados ou informais maiores de 18 anos e sem inscrição de CNPJ como empresário, sócio ou administrador de pessoa jurídica.

Pessoas formalizadas em 2021 serão aceitas no programa. Qualquer pessoa elegível pode se inscrever no portal do Bolsa do Povo, até o dia 19 de setembro.

Site para cadastro e inscrição:  https://www.bolsadopovo.sp.gov.br/portal/BolsaEmpreendedor/index

Maiores Informações: Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda, Dpto de Qualificação Profissional

Avenida São Carlos, 1839 das 08:00 às 17:00

Telefone 3374-1064 ou pelo e-mail dptej@saocarlos.sp.gov.br

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias