Menu
quinta, 23 de setembro de 2021
Cidade

A Saúde Pede Socorro: população fará novo protesto contra o caos na saúde

Manifestantes realizarão passeata “A Saúde Pede Socorro” e não afastam a possibilidade de pedir o afastamento de Airton Garcia

04 Out 2017 - 08h23
Foto: Divulgação - Foto: Divulgação -

Com a "paciência no limite", integrantes da Liga da Justiça de São Carlos anunciam para este sábado, 7, uma manifestação denominada "A Saúde Pede Socorro 2". A meta é a luta para que se encerre o caos em que se encontra a saúde no município. Paralelamente, a médio prazo, os manifestantes não descartam um segundo movimento, caso nada seja feito, que irá exigir o afastamento do prefeito Airton Garcia (PSB).

O movimento do protesto são as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) do Cidade Aracy e Jardim Santa Felícia estarem fechadas. Além do estado de abandono de uma terceira unidade localizada no Cidade Aracy II, e, da constante falta de médicos em São Carlos.

"É um grande descaso, uma omissão", disse o vendedor Eder Alessandro de Souza, que faz parte da Liga da Justiça e que já esteve reunido com o prefeito, juntamente com outros envolvidos na causa. "Foram feitas muitas promessas, mas até agora nada de concreto", garantiu. "A saúde não é para depois. Tem que ter uma solução imediata", definiu.

SEM POLÍTICA

Eder salientou que o protesto não tem cunho político. "Na verdade, não temos partidos. Sou um munícipe preocupado com a atual situação da minha cidade. Já se passaram nove meses e nada foi feito. Só conversa fiada. Lutamos por uma cidade digna para se viver", emendou.

O manifestante informou ainda que a paciência da população está no limite. "Eu, particularmente, tenho plano de saúde e poderia ficar na minha. Mas no final de semana levei um parente para ser atendido na UPA e fiquei horas na fila de espera. Isso é inaceitável. Então esta passeata é o mínimo que podemos fazer para pressionar as autoridades que estão em uma zona de conforto muito grande".

SEM SOLUÇÃO, AFASTAMENTO

Eder garantiu que a população está com a paciência esgotada e quer uma solução para ontem. "Estamos dando este prazo para o prefeito buscar alternativas e se virar. Por enquanto é um protesto pacífico".

Todavia, após um período, e se as UPAs não forem abertas e os necessitados não contarem com médicos, Eder garantiu que outras atitudes serão tomadas. "Algumas radicais", disse.

Uma alternativa será unir organizações não governamentais de São Carlos e chamar a população para pedir a saída de Airton Garcia. "Se ele não tem condições de resolver os problemas, tem que dar espaço para alguém que consiga atender os anseios da população de forma mais efetiva", finalizou.

A PASSEATA

Sábado, 7, a concentração da passeada "A Saúde Pede Socorro 2 - Manifestação em São Carlos", acontece a partir das 10h, na Praça do Mercado Municipal. Será a manifestação da população são-carlense em prol a saúde e a vida.

A perspectiva inicial é que pelo menos mil pessoas devam participar do protesto.

Os manifestantes sairão da Praça do Mercado às 10h, seguindo pela avenida São Carlos com destino à Praça Coronel Salles, onde finalizará por volta das 13h.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias