Menu
sábado, 15 de dezembro de 2018
Cidade

Robertinho anuncia o fim da Banda Marcial Faber Castell

01 Abr 2009 - 17h48Por Redação São Carlos Agora
O vereador Roberto Mori Roda (PV), ao se pronunciar na tribuna da Câmara na sessão desta terça-feira (31), anunciou o encerramento das atividades da Banda Marcial Faber Castell, agradecendo à direção da empresa pelo apoio recebido nos 23 anos e 7 meses em que permaneceu à frente da corporação musical que fundou em 1º. de setembro de 1985.

Na época, Roberto integrava como músico a Banda Sinfônica de Tatuí e foi contratado para formar uma corporação musical reunindo os funcionários da Faber Castell. Ao longo do tempo em que permaneceu como regente, mais de mil pessoas passaram pela Banda Marcial que atualmente contava com 90 componentes.

Segundo o vereador, ao anunciar o fim da corporação devido á crise econômica, a direção da empresa admitiu a possibilidade de retomar o projeto futuramente.

Com repertório diversificado e com uma trajetória que incluiu orientação musical para crianças e adultos, a Banda Marcial Faber Castell apresentou-se em muitas solenidades e em eventos cívicos e comemorações em diversos municípios do Estado. “Temos certeza de que voltaremos”, disse oberto Mori Roda, ressaltando que a Banda era um patrimônio da empresa e também do município de São Carlos.

Desligado da Faber, o vereador segue na regência das corporações musicais do Colégio Cecília Meirelles, da Escola Livre de Música, da APAE e de jovens do Jardim Gonzaga.

SOLIDARIEDADE - Em seu pronunciamento, o vereador Antonio Carlos Catharino (PTB) lamentou o fim da Banda Marcial da Faber Castell, que chegou a defender gestões junto à direção mundial da empresa, para tentar reverter a decisão. Solicitou que a Câmara nomeie comissão de vereadores para juntamente com o prefeito dirigir um apelo à indústria no sentido de que mantenha a Banda Marcial Faber Castell.
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias