Menu
sábado, 20 de outubro de 2018
Cidade

Campanha Nacional contra o HPV entra na fase final

04 Abr 2014 - 20h07
0 - 0 -

O Ministério da Saúde (MS) juntamente com secretarias estaduais e municipais, iniciou no dia 10 de março, a vacinação contra o Papiloma Vírus Humana (HPV), realizada simultaneamente em todo território nacional, para meninas de 11 a 13 anos.

Dados do Programa Nacional de Imunização (PNI), repassados pelas secretarias municipais de saúde, demonstram que, em todo o Brasil, já foram aplicadas um total de 3.198.737 de doses, número que representa uma cobertura vacinal de 61,47%. A meta de cobertura estabelecida pelo Ministério da Saúde é de 80%.

Em São Carlos 67,62% do público alvo foi imunizado contra o vírus do HPV, causador do câncer de colo do útero. Um levantamento na cidade demonstra que meninas de 12 anos foram a que mais procuraram pela vacina nas unidades de saúde.

A campanha contra o HPV segue até o próximo dia 10 de abril e a expectativa é que 4.846 meninas de 11 a 13 anos sejam imunizadas na cidade. O Ministério da Saúde recomendou aos municípios, a definição de estratégias adequadas para êxito da campanha, com orientação do público alvo e ampla divulgação dos locais de vacinação.

Conforme planejamento elaborado pela Vigilância Epidemiológica (VIGEP) de São Carlos, avaliações semanais de adesão da vacina estão sendo realizadas, e com apoio das Administrações Regionais de Saúde (ARES), foi iniciada a vacinação dentro das escolas.

Segundo a chefe de divisão da Vigilância Epidemiológica, Márcia Pallone, embora o público continue procurando pela vacina, é importante total adesão na prevenção. “Não queremos ter no futuro mulheres com câncer de colo de útero. A vacina é uma oportunidade para se evitar a doença, por isso, estamos convocando todas as meninas que ainda não foram imunizadas a receber a dose contra o HPV”.

A secretaria Municipal de Saúde (SMS) orienta as meninas de 11 à 13 anos, a procurarem a imunização diretamente nas Unidades de Saúde, devido a possibilidade de avaliação da carteira de vacinação e atualização de outras vacinas, que no momento é oportuna para a segunda dose da Tríplice Viral (Sarampo, Caxumba, Rubéola), que já tem casos confirmados de Sarampo nos estados de São Paulo e Ceará.

 

Sobre o HPV

O HPV é um vírus transmitido pelo contato direto com pele ou mucosas infectadas por meio de relação sexual. Também pode ser transmitido da mãe para filho no momento do parto.

Segundo o Ministério da Saúde, vacina é utilizada como estratégia de saúde pública em 51 países, por meio de programas nacionais de imunização. A sua segurança é reforçada pelo Conselho Consultivo Global sobre Segurança de Vacinas da Organização Mundial de Saúde (OMS).

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias