Menu
sexta, 06 de agosto de 2021
Cidade

São Carlos passa a emitir Carteira Internacional de Vacinação

13 Fev 2012 - 17h27

O prefeito Oswaldo Barba anunciou em coletiva à imprensa nesta segunda-feira (13), ao lado do diretor presidente da Agência Nacional de Vigilância Epidemiológica (Anvisa), Dirceu Barbano, a emissão do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) em São Carlos. Atualmente, apenas os aeroportos de Guarulhos e Campinas emitem o documento.

O prefeito Barba explicou que São Carlos passa a emitir o certificado a partir do dia 1º de março, um documento que comprova a vacinação contra a febre amarela ou outras doenças. A possibilidade de exigência do CIVP é prevista no Regulamento Sanitário Internacional.

Para dar entrada na emissão do CIVP é necessário agendamento prévio através do e-mail ou pelo telefone e cadastramento no site da Anvisa - www.anvisa.gov.br/viajantes. O site da Prefeitura de São Carlos, www.saocarlos.sp.gov.br, também direciona para o atendimento, que será feito pela Vigilância Epidemiológica, que fica na rua Conde do Pinhal, n.º 2.161.

"A nossa Vigilância terá a função de atuar como um Centro de Orientação ao Viajante, atendendo os moradores de São Carlos e região", enfatizou o prefeito.

"A emissão da certificação internacional de vacinação vai facilitar ainda mais, pois aqueles que viajavam para o exterior tinham que antes se deslocar para o aeroporto.Vamos fornecer essa vacina, orientar quais vacinas são necessárias e a carteira", disse o prefeito Barba, que lembrou ainda que recentemente a cidade ganhou um posto da Polícia Federal para a emissão de passaportes. "Estamos, cada vez mais, aperfeiçoando o atendimento aos cidadãos de São Carlos", salientou.

O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Dirceu Barbano, explicou que a Agência se esforçou para inserir o agendamento on line e agora busca levar esse serviço para o interior de São Paulo. São Carlos é a 6ª cidade do interior a oferecer o serviço que ajuda a controlar as doenças que podem circular com as pessoas. "Agora qualquer cidadão de qualquer cidade pode solicitar a certificação e retirar em São Carlos, na Vigilância Epidemiológica, depois de fazer o agendamento na internet", diz Barbano.

O secretário municipal de Saúde Marcus Vinicius lembrou que a certificação vai oferecer acesso mais fácil à carteira de vacinação. "Nos organizamos para atender à demanda necessária em São Carlos e nossa microrregião com a implantação do Serviço de Orientação ao Viajante que também dará as informações necessárias à nossa população", destaca.

Anvisa e Prefeitura também discutem internacionalização do aeroporto

Durante a visita de uma comitiva da Anvisa em São Carlos para o lançamento do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP), as autoridades também discutiram a internacionalização do aeroporto Mário Pereira Lopes.

Dirceu Barbano disse que São Carlos tem potencial para abrigar um aeroporto internacional, inclusive alfandegado. Porém, segundo ele, neste momento é importante focar na questão da internacionalização, principalmente para resolver a questão do Centro de Manutenção da TAM.

"A Anvisa vai fazer a parte que lhe cabe nesta questão da internacionalização do aeroporto Mário Pereira Lopes. Para nós essa também é uma situação nova, já que não temos experiência nesta área. Teremos que lidar com a chegada de aeronaves de diversas partes do mundo que farão aqui a sua manutenção", explicou Barbano.

Ao destacar a vocação tecnológica da cidade, enumerando as empresas, as universidades e os centros de pesquisas como a Embrapa, que possui aqui duas unidades, o prefeito ressaltou a importância da parceria com os governos estadual e federal para a internacionalização do aeroporto.

O prefeito reforçou que as tratativas com as duas esferas de governo estão em andamento, envolvendo ainda a Receita Federal, a Polícia Federal, Ministério da Agricultura e o DAESP, e pediu a Dirceu Barbano que a Anvisa seja parceira da Prefeitura de São Carlos neste processo.

"São Carlos é uma cidade estratégica na nossa região. Como o aeroporto de Campinas está aumentando sua capacidade de embarque de passageiros, a nossa cidade poderia ser uma alternativa bastante viável para cargas. Isso viria a suprir também a necessidade das empresas daqui e da nossa região", finalizou Barba.

Participantes da reunião - A reunião contou com a participação também do vice-prefeito Emerson Leal, do deputado federal Newton Lima, do gerente geral e do coordenador de Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados da Anvisa/SP, respectivamente, Paulo Biancardi Coury e Valter Barragan, da coordenadora de Articulação Institucional da Anvisa, Rose Mendes, da técnica responsável pelo Posto da Anvisa no aeroporto de Viracopos, em Campinas, Lucia Regina Duarte de Sá Simon, do diretor da Fiscalização Sanitária da Anvisa do Aeroporto de Viracopos, em Campinas, Yunes Eiras Baptista, do secretário municipal de Saúde, Marcus Vinicius Bizzarro, do assessor de Ralações Internacionais e Institucionais, Emiliano Saran Azevedo, e do diretor executivo do MRO da TAM em São Carlos, Luiz Gustavo Figueiredo da Silva, o vice-reitor da UFSCar, Pedro Galetti, e a professora do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação, representando o professor José Carlos Maldonado, diretor do ICMC, da USP, Solange Rezende entre outras autoridades.

 

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias