Menu
segunda, 20 de setembro de 2021
Cidade

Prefeitura amplia iluminação de avenida no Miguel Abdelnur

22 Out 2010 - 18h00

A avenida Doutor Heitor José Reali está recebendo mais iluminação. A Prefeitura de São Carlos, através da primeira fase do Reluz 2 (Programa Nacional de Iluminação Pública Eficiente da Eletrobrás) está instalando 10 postes e 30 luminárias (de 150 watts) em um dos lados desta avenida.

Na última quarta-feira (20) o prefeito Barba, acompanhado do vice-prefeito Emerson Leal e dos secretários municipais Nivaldo Sigoli (Serviços Públicos), Marcos Martinelli (Desenvolvimento Sustentável, Ciência e Tecnologia) e Leandro Severo (Comunicação) vistoriou o trabalho executado no distrito industrial.

De acordo com o prefeito Barba, esta obra beneficiará centenas de pessoas que circulam pelo local. “Esta avenida liga a região Leste de São Carlos com a região Sul. É um trecho por onde passam diariamente muitos trabalhadores, especialmente do Distrito

Industrial Miguel Abdelnur”.
Barba ressaltou a importância do Reluz 2 para a melhoria da segurança pública. “Ao ampliarmos os pontos de iluminação da cidade estamos contribuindo para dar mais segurança aos moradores”, destacou.

O secretário municipal de Serviços Públicos Nivaldo Sigoli destacou que a Prefeitura está instalando novas luminárias em mais três regiões de São Carlos. “A Prefeitura está instalando 50 luminárias (de 250 watts) no trevo de acesso a UFSCar, em mais três trechos do distrito de Santa Eudóxia e no Maria Stella Fagá”.

Nesta primeira fase do Reluz 2 foram investidos aproximadamente R$ 350 mil. Até o momento, a Prefeitura já instalou nova iluminação em trechos dos bairros: Jardim Social Bicão, Vila Marina, Jardim Embaré e Cidade Aracy.

O Programa – Através do Reluz 2, a Prefeitura de São Carlos investirá R$ 2,2 milhões para instalar 2.311 pontos de luz na cidade. Além de aumentar a segurança nas regiões atendidas, o Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel) torna mais eficiente 5 milhões de pontos de iluminação pública. O financiamento do projeto é feito à concessionária CPFL/Paulista que, em articulação com a Prefeitura, executará os serviços.

Comments system Cackle

Leia Também

Últimas Notícias