Menu
segunda, 23 de novembro de 2020
Cidade

Exposição sobre a Diversidade Submarina Brasileira no Espaço Cultural Senac

06 Mar 2009 - 16h32Por Redação São Carlos Agora
Até o final desse mês, o Espaço Cultura do Senac São Carlos, recebe a exposição “Águas Marinhas: Um Percurso pela Diversidade Submarina Brasileira”. A mostra é composta por imagens impressionantes do mar, realizadas pela fotógrafa Denise Greco, que imergem o público para profundidades e belos lugares como: Parcel Manoel Luís (Maranhão), Fernando de Noronha (Pernambuco), Risca do Zumbi e Atol das Rocas (Rio Grande do Norte), Búzios e Ilha Grande (Rio de Janeiro), Abrolhos (Bahia), e Laje de Santos (São Paulo), entre outros estados. Outra atração da mostra é um tanque com peixes naturais da região. Essa ação cultural tem como parceiros e apoiadores o Sesc São Carlos e Aqua Shop.

Ao apresentar esta exposição, o Senac São Carlos associa-se a intenção da fotógrafa de provocar uma reflexão sobre a técnica e a estética presentes na produção da imagem submarina, mas, sobretudo, contribui para uma percepção e uma prática voltadas para a valorização e a conservação dos ecossistemas.

A perspectiva artística do olhar submerso da fotógrafa revela parte do mosaico de ecossistemas existentes nas águas marinhas de nosso país, e nos surpreende com imagens-pinturas de um mundo misterioso, repleto de riquezas minerais, cores, formas e texturas fascinantes que constituem a fauna e a flora marinha brasileira.

Segundo Denise Greco o tema da exposição, escolhido para dar uma visão geral do mundo submarino brasileiro, a fez refletir sobre a sua prática no mergulho. Há 20 anos, quando começou a mergulhar, havia um conceito de que o Brasil - devido ao grande volume de água doce descarregado no mar - tinha um potencial limitado para esta atividade: “entretanto, a cada dia se descobrem novos pontos de mergulho, tão bons quanto os melhores do mundo; a diversidade de espécies e criaturas que se imaginava existirem, somente em outros mares, são aos poucos descobertos em nossas águas”; revela a fotógrafa. “Uma grande quantidade de naufrágios, que formam recifes artificiais, não só nos instigam a desvendar suas histórias, como as próprias espécies ao seu redor”; completa.
“Tudo se transforma numa grande paixão, e sou motivada pela diversidade, o mistério e o desafio. Esta paixão mostrada através do instantâneo, pela natureza de momento único captado, é capaz de eternizar o tempo – o momento do meu encontro com o mundo submarino, me guia através dos desafios de se obter as melhores imagens. Paixão pelo fundo do mar, seus mistérios, seus animais exóticos”; concluiu.


Sobre a fotógrafa

Paulistana, desde 1987 é fotógrafa de natureza. Iniciou seu trabalho com fotografia submarina e especializou-se em natureza em geral, inclusive de animais, que é a sua grande paixão. Foi vice-campeã brasileira em 1997/98 pela CBPDS em Fotografia Submarina e participou representando o Brasil na Noruega em 1998. É fotógrafa colaboradora da WWF/Brasil desde 1996. Denise Greco reúne em seu currículo dezenas de exposições e prêmios, nacionais e internacionais, além de participações especiais como juíza no Grande Prêmio Brasil e Campeonato Brasileiro de Fotografia Submarina desde 2004. É autora de vários livros - “Expressões e Cores do Fundo do Mar; do Pantanal e da Natureza”, “Fernando de Noronha e Atol das Rocas e Brasil Retratos Poéticos III”, dentre vários outros livros e publicações editadas desde 1986. Reconhecida internacionalmente, ministra palestras e workshops no Brasil e no exterior.

Serviço

Exposição “Águas Marinhas – Um Percurso pela Diversidade Submarina Brasileira”
Local: Espaço Cultural Senac São Carlos
Rua Episcopal, 700, telefone (16) 2107-1055
Quando: até 31 de março
Horário para visitação: das 12 às 22h00
Entrada gratuita
comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias