Menu
quinta, 06 de maio de 2021
Nova plataforma

Equipe da UFSCar se reúne com Ministério da Saúde para apresentar ações voltadas aos cuidadores de idosos

Foram apresentados o "Guia de Cuidados para a Pessoa Idosa" e uma ferramenta on-line

16 Abr 2021 - 06h38Por Redação
Apresentação da coordenadora do projeto durante reunião online com Ministério - Crédito: Equipe do TEDApresentação da coordenadora do projeto durante reunião online com Ministério - Crédito: Equipe do TED

O TED 065/2018 é um projeto multicêntrico e multidisciplinar que reúne pesquisadores de diversas universidades brasileiras e recebe apoio do Ministério da Saúde para ações que têm foco nos cuidadores familiares de pessoas que vivem com demência. Em reunião realizada no final de março, a equipe do projeto apresentou dois produtos, o "Guia de Cuidados para a Pessoa Idosa" e o iSupport-Brasil (BR), ferramenta online que está em processo de avaliação em outros países e que apoia os cuidadores nesse contexto. O retorno do Ministério foi positivo e indicou o início da utilização dos produtos ainda neste ano.

O projeto é coordenado pela professora Aline Gratão, do Departamento de Gerontologia da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), e conta com a participação de docentes de outras instituições, como a Universidade de Brasília (UnB) e Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

ISUPPORT-BR

Essa plataforma integra as ações realizadas no TED 065/2018. Trata-se de uma ferramenta on-line de apoio a cuidadores familiares de pessoas que vivem com demência, desenvolvida pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Em processo de adaptação e implementação em países como Índia, China, Japão, Portugal, Austrália e Holanda, o iSupport-BR acaba de passar por tradução, adaptação cultural e testes acerca da usabilidade - etapas realizadas pelo TED 065/2018 e apresentadas na reunião - e agora seus efeitos serão testados, de forma que se possa comprovar que essa ferramenta é acessível, prática em relação ao contexto da atenção primária e secundária à saúde, e eficaz para a saúde mental desses cuidadores.

Aline Gratão, coordenadora do projeto, aponta que o conteúdo do iSupport é baseado em um modelo no qual a personalidade de alguém com demência é central e o cuidado é pensado como interação, de acordo com as necessidades e habilidades individuais. As técnicas que embasaram o desenvolvimento do programa incluem elementos da terapia cognitivo-comportamental, psicoeducação, relaxamento, ativação comportamental, reenquadramento cognitivo e resolução de problemas, estando integradas aos exercícios da plataforma.

De acordo com Gratão, em países com diferentes níveis de desenvolvimento, exercer o cuidado pode afetar a saúde física e mental e, por isso, o apoio a cuidadores familiares e outros cuidadores não remunerados está incluso como uma das áreas do Plano de Ação Global (2017-2025) da OMS sobre a resposta da saúde pública à demência. Nesse contexto, o iSupport atua como forma de apoiar esse público que se dedica ao cuidado do familiar. Aline Gratão cita que, de forma geral, pesquisas com intervenções em diferentes contextos demonstram que programas educacionais e de treinamento das habilidades de cuidado possuem impacto positivo sobre o conhecimento e bem-estar psicológico de cuidadores de pessoas que vivem com demência. Sobre o iSupport, complementa que, "com o uso da Internet cada vez maior, pode ter vantagens sobre os desafios associados à realização de intervenções de suporte em formato presencial para cuidadores em países de baixa e média renda, ajudando a alcançar mais pessoas e aumentar a cobertura do serviço e prestação de suporte".

GUIA

Outro produto que integra o projeto TED 065/2018 é o "Guia de Cuidados para a Pessoa Idosa". O material é uma atualização do "Guia do Cuidador", desenvolvido em parceria com o Ministério da Saúde. Trata-se de um novo manual com informações sobre o processo de envelhecimento, o autocuidado da pessoa idosa saudável, o cuidado com pessoas idosas e redes de apoio. O Guia destina-se a idoso, cuidadores, profissionais da saúde que trabalham com esse público, estudantes e pesquisadores da área do envelhecimento humano.

REUNIÃO

O encontro para apresentar as ações do projeto ao Ministério da Saúde foi realizado no dia 31 de março e contou com a presença de representantes das Coordenadorias da Saúde da Pessoa Idosa (COSAPI)/Departamento de Ações Programáticas Estratégicas (DAPES), Saúde Mental, Saúde do Homem, Saúde da Infância, Datasus e Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). Além disso, teve a participação da regional São Carlos (SP) da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAz). Docentes da UFSCar, UnB e Unifesp que integram a equipe de pesquisadores do iSupport-BR também participaram.

"O objetivo dessa reunião foi apresentar a versão final desses dois produtos para aprovação e conhecimento da equipe do Ministério, que ficou muito satisfeita. Ainda não há uma data precisa para divulgação desses produtos, mas foi delimitado que acontecerá ainda neste ano. As datas serão definidas em reunião interna do Ministério", conclui Aline Gratão.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias