Menu
sábado, 15 de maio de 2021
Cidade

Barba inaugura Salão Comunitário do Assentamento Santa Helena

22 Jun 2012 - 11h32
0 - 0 -

O prefeito Oswaldo Barba inaugurou na manhã desta quinta-feira (21), o Salão Comunitário do Assentamento Santa Helena, que fica na região da Represa do 29, oportunidade em que almoçou com os assentados.

A inauguração contou com a presença da primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Cidinha Duarte, do vereador Equimarcilias de Souza Freire, da diretora do Departamento de Apoio à Economia Solidária, Rita Fajardo, que representou o secretário municipal de Trabalho, Emprego e Renda, Emerson Domingues, o chefe geral da Embrapa Pecuária Sudeste, Mauricio Melo de Alencar, a ex-vereadora e secretária do diretório estadual do PT, Silvana Donatti, da presidente da Associação dos Moradores do Assentamento Santa Helena, Lindamira Aparecida Teodoro Ribeiro, do representante do Assentamento Nova São Carlos, José Aparecido Paolo Vick, e do técnico do IBS/INCRA, Vandirceu Luis Gripa.

O Salão, que conta com uma sala de aula, 2 banheiros e 1 biblioteca/escritório, foi construído com recursos repassados devido a um acordo celebrado por meio de uma Ação Civil Pública que tramitou pela 3ª Vara do Trabalho de Campinas/SP, na qual o supermercado Galassi efetuou a doação de R$ 31 mil à ONG Ramudá, que foi parceira no projeto.

No início do projeto, em meados de 2011, o grupo ainda não tinha nenhuma formalização, por isso a Ong Ramudá foi uma grande parceira e se propôs a receber os recursos para a sua execução. Hoje o grupo já possui uma associação e está em fase de regularização da mesma.

Foram parceiros no projeto a Ong Ramudá, a Procuradoria do Trabalho da 15ª Região, Gerência Regional do Trabalho em São Carlos, Embrapa, Prefeitura Municipal, Incra e moradores do assentamento.

A Prefeitura Municipal, além do apoio à organização do grupo, contribuiu com a remuneração da mão de obra especializada necessária à conclusão da obra, no valor de R$ 2,4 mil.
Toda a parte de alvenaria foi feita em regime de mutirão pelos moradores do assentamento. A parte de acabamento, entretanto, não foi possível ser feita pelos moradores, tendo, portanto o apoio da Prefeitura.

Os moradores do assentamento Santa Helena constituem um grupo que faz parte do "Programa de Fomento a Economia Solidária", uma política de desenvolvimento e de caráter transversal, implementada em São Carlos desde 2001 e desenvolvida de forma integrada, pelo Departamento de Apoio à Economia Solidária da Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Renda.

O projeto consistiu no investimento em infraestrutura com a adequação de um espaço que possibilitasse a realização de atividades formativas e educativas com o objetivo de geração e socialização do conhecimento, levando em consideração o desenvolvimento sustentável e formas de integração e cooperação.

Por ser um projeto de desenvolvimento sustentável, o PDS Santa Helena tem na sua concepção um especial cuidado com o meio ambiente. Assim, a orientação técnica da Embrapa para o desenvolvimento sustentável, com a orientação para a construção da fossa biodigestora foi também uma parceria inestimável.

O espaço é utilizado para aulas do MOVA, no qual se destaca o belíssimo trabalho da professora Arlete e para reuniões do grupo, para cursos e outras atividades coletivas. O espaço irá contemplar uma pequena biblioteca, que será muito importante para os moradores.

Lindamira Ribeiro, presidente da associação dos moradores do Assentamento Santa Helena, agradeceu a Prefeitura e os demais parceiros que possibilitaram a viabilização do projeto.

Segundo a representante dos assentados, essa foi uma conquista muito importante para as 14 famílias que moram no assentamento e ganharam um espaço revitalizado que servirá para diversas atividades, principalmente a sala de aula.

"Vivemos agora a expectativa da construção no local do restaurante caipira, numa parceria da Prefeitura e com o Incra, na qual o Incra vai construir o prédio e a Prefeitura, por meio de um convênio com a Secretaria Especial de Política para Mulheres do Governo Federal, comprará os equipamentos e fará a formação técnica das mulheres", finalizou Lindamira.

O prefeito Oswaldo Barba destacou a iniciativa inovadora que contou com a participação da Procuradoria do Trabalho da 15ª Região, com especial destaque ao Procurador Nei Messias Vieira e pela ação da Gerência Regional do Trabalho em São Carlos, em especial o Dr. Antonio Valério Morillas Jr, parceiro nas ações da Economia Solidária do município.

"Repassar recursos de uma empresa que descumpre legislação trabalhista para ações de geração de trabalho e renda de grupos organizados nos princípios da Economia Solidária mostra uma sensibilidade e um comprometimento social que merecem destaque", declarou o prefeito.

Sobre o apoio da Prefeitura aos assentamentos, o prefeito disse que isso é possível à medida que eles se organizem. "Aqui para o Assentamento Santa Helena nós apoiamos também na instalação da rede de água e na iluminação pública. E vamos apoiar, dentro das nossas possibilidades, muito mais", concluiu Barba.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias