Menu
sábado, 18 de agosto de 2018
Brasil

Procon-SP divulga lista das 50 empresas com mais reclamações

20 Mar 2014 - 10h48

A Fundação Procon-SP divulgou o Cadastro Estadual de Reclamações Fundamentadas de 2013 (com dados da Fundação Procon-SP e de mais 26 Procons Municipais), com o Ranking das 50 empresas mais reclamadas. Para consulta também é possível visualizar as empresas reclamadas por ordem alfabética.

O grupo América Móvil (que inclui Claro, Net e Embratel) lidera o ranking das empresas que mais tiveram reclamações no Procon-SP em 2013. Itaú Unibanco fica no segundo lugar, Vivo em terceiro, Oi em quarto lugar e Bradesco assume a quinta posição.

A lista contém os 50 fornecedores que mais geraram reclamações fundamentadas, ou seja, demandas de consumidores que não foram solucionadas na fase inicial do atendimento. Neste caso, é aberto processo administrativo para que a Fundação Procon-SP trabalhe a reclamação junto ao fornecedor.

Destaques

O setor de telecomunicações mantém sua posição historicamente destacada no ranking de reclamações de consumo do Estado de São Paulo. Juntas, as cinco maiores empresas ou grupos empresariais do setor ultrapassaram a marca de 6.600 reclamações fundamentadas, no ano de 2013.

Os bancos ocupam uma parcela considerável dos participantes do ranking de reclamações fundamentadas: das 20 empresas ou grupos empresariais mais demandados, oito são deste segmento.

Na área de produtos, mais uma vez aparelhos celulares e computadores lideraram os registros de problemas. Juntos, representaram aproximadamente 1/3 do total desse segmento.

Do Portal do Governo do Estado

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias