Menu
quarta, 01 de abril de 2020
Saúde

Vereadores afirmam que a rede de saúde de São Carlos não está preparada para coronavírus

18 Mar 2020 - 08h43Por Redação São Carlos Agora
Cidade conta hoje com 30 leitos de UTI na rede pública - Crédito: Agência BrasilCidade conta hoje com 30 leitos de UTI na rede pública - Crédito: Agência Brasil
O vereador Elton Carvalho (PSB) fez um discurso com tom de preocupação durante a sessão da Câmara nesta terça-feira (17). Para o vereador, que é auxiliar de enfermagem e também presidente da Comissão de Saúde do Legislativo, a rede pública de saúde não tem estrutura para receber eventuais pacientes portadores do coronavírus. 
 
Elton salientou que o prefeito Airton Garcia (PSL) tomou a decisão correta ao suspender atividades escolares e eventos públicos, mas defendeu que o município precisa se preparar para o surgimento de caso positivo.
 
Em reunião com membros da Secretaria de Saúde, o vereador levantou a informação que atualmente a cidade possui 30 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), sendo 10 para pediatria, 10 para coronariana e 10 para adultos.
 
 “Se falarmos hoje que temos um caso positivo de coronavírus em São Carlos, que a pessoa está em estado grave e precisamos de uma internação, em um quarto com ventilação mecânica, não temos essa vaga de internação”, salientou o vereador.
 
E continuou: “Uma cidade de 250 mil habitantes, por exemplo, se tiver 600 casos positivos, 20 precisam de internação e temos isso hoje? Não temos. As pessoas estão esperando vagas nos corredores da Santa Casa em macas de internação”.
 
“A preocupação nossa maior é com os equipamentos públicos, já que a cidade não têm capacidade, se essa pandemia tomar São Carlos teremos um percentual altíssimo de doentes  nas UTIs. A cidade trabalha com um cálculo de 500 pessoas se vier acontecer a exemplo de outras cidades", emendou o vereador Daniel Lima (PSB).
 
O vereador Elton Carvalho sugere que a Prefeitura deveria articular junto da Santa Casa, o Hospital Universitário (HU-UFSCar) e as operadoras de saúde Unimed e São Francisco uma maneira de montar pequenas UTIs com respiradores mecânicos, com médicos, enfermeiros.“O vírus existe e São Carlos corre risco eminente de ter um caso positivo”.
 
O médico e vereador Chico Loco (PSB) endossou a narrativa de Elton. O parlamentar argumentou que tanto a rede pública quanto as operadoras de saúde carecem de infraestrutura e pontuou que a prioridade seria a conclusão do Hospital Universitário da UFSCar.
 
“São Carlos se descuidou ao longo das últimas décadas. O município precisa ter mais leitos até para o crescimento da cidade. Nós temos o HU-UFSCar, que está há 15 anos sendo uma promessa não realizada. Este momento ´é mais que oportuno para que estivéssemos unidos pensando na finalização do hospital, só que claro, não temos no Brasil a expertise chinesa para terminar um hospital em menos de 10 dias”.
 
Roselei Françoso (Rede) disse que o Hospital Universitário pode ser uma válvula de escape para o município e afirmou que pretende marcar uma visita no HU-UFSCar.
 
Por fim, o vereador Chico Loco ressaltou que não acredita que o município terá providência imediata frente ao coronavírus, principalmente para detecção e diagnóstico correto. 
 
“Está sendo difícil fazer o diagnóstico, tem que selecionar as pessoas que vão fazer o teste, precisa ter evidências clínicas para fazer o afastamento das pessoas. Mas as medidas de combate não podemos negligenciar”.
 
O SCA entrou em contato com os órgãos citados na reportagem e aguarda um posicionamento. Assim que tivermos a resposta, atualizaremos essa notícia.

comments powered by Disqus

Leia Também

Últimas Notícias