quinta, 19 de maio de 2022
Desacordo comercial?

Suposto programa sexual termina em assalto e agressão a idoso

Vítima afirmou às autoridades policiais que estaria dormindo; acusada garantiu que pegou celular como pagamento de relações sexuais

25 Jan 2022 - 08h58Por Redação
Samu atendeu idoso e o encaminhou à UPA Vila Prado e depois à Santa Casa - Crédito: Arquivo/São Carlos AgoraSamu atendeu idoso e o encaminhou à UPA Vila Prado e depois à Santa Casa - Crédito: Arquivo/São Carlos Agora

Um possível desacordo comercial ou um possível assalto devido ao não pagamento de relações sexuais. É o que “sobrou” para autoridades policiais apurarem por volta das 6h30 desta segunda-feira, 24, em uma casa na rua Dr. Bernardino de Campos, na Vila Prado.

Segundo consta, policiais militares foram acionados para apurar um assalto em andamento e no local dos fatos, encontraram um idoso de 73 anos e uma travesti de 32 anos com declarações conflitantes.

A vítima estava caída no solo, nua, com ferimentos na testa e lesões no pé direito. Disse aos policiais que estava dormindo, quando o ladrão teria invadido e se apoderado do seu celular.

A acusada foi revistada e o aparelho encontrado em sua calcinha. Indagada, disse que teria pego o aparelho como parte de um programa contratado pelo idoso e como ocorreu “desacordo comercial”, ocorreram agressões.

O Samu foi acionado e encaminhado à UPA Vila Prado onde foi constatado o ferimento na testa e uma fratura no dedo do pé direito. Posteriormente encaminhado à Santa Casa, onde passou por atendimento médico.

A travesti foi detida e encaminhada ao plantão policial, onde foi autuada em flagrante e recolhida ao Centro de Triagem.

Leia Também

Últimas Notícias