quinta, 22 de fevereiro de 2024
Polícia

Motociclista acidentado custa R$ 2 mil por dia aos cofres públicos

12 Jul 2010 - 14h54Por Redação São Carlos Agora

Uma vítima internada por qualquer acidente envolvendo motocicleta custa, em média, R$ 2 mil por dia aos cofres públicos. Neste valor está incluído o atendimento médico, entre outros custos, segundo estudos do Estado e no País. Em São Carlos, quase todos os dias são registrados acidentes com motos e a maioria das vítimas é internada porque sofreu fratura ou lesão grave.

Levantamento do Instituto de Ortopedia do Hospital das Clínicas da USP (IOT), ligado à Secretaria de Estado da Saúde, avaliou 84 pacientes acidentados com motos. Durante 18 dias, o custo total do tratamento ficou em R$ 3 milhões. O projeto Impactos Sociais e Econômicos dos Acidentes de Trânsito nas Rodovias Brasileiras, de 2006, desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), já havia chegado a essa conclusão, com custo médio de R$ 1,829 milhão. Caminhões representam o maior ônus.

De acordo com o estudo do IOT, de maio a novembro do ano passado, dos 255 acidentados de moto atendidos, 84 precisaram de internação. Deste total, 67% dos pacientes afirmaram usar a moto apenas como meio de transporte e não como ferramenta de trabalho. Exatos 45% afirmaram nunca terem sofrido acidente de trânsito. A maioria dos acidentes ocorreu em colisões com carro. Dos pacientes, 54% tiveram fratura exposta. Noventa por cento eram homens e 12% tiveram lesões neurológicas periféricas.

Colaborou Cláudio Dias/Araraquara.com



Leia Também

Últimas Notícias